Interior do Chalé de Érebo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Interior do Chalé de Érebo

Mensagem  Érebo em Sex Mar 23, 2012 6:41 am

• INTERIOR DO CHALÉ •



No interior no chalé era completamente escuro pois filhos de Érebo enxergavam muito bem na escuridão. Não havia muita coisa além de uma sala de estar com móveis feitos com peles de criaturas mitológicas, na parede haviam fissuras como se fosse uma imensa pedra e a temperatura desta parede era razoavelmente mais quente do que o normal. Existia ao lado da sala uma sala de estar, uma sala vazia para que os filhos de Érebo façam suas oferendas ao seu pai.
avatar
Érebo
Deuses Primordiais
Deuses Primordiais

Mensagens : 7
Pontos : 17
Data de inscrição : 22/03/2012
Idade : 27

Ficha do personagem
HP:
100/100  (100/100)
MP:
100/100  (100/100)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Interior do Chalé de Érebo

Mensagem  Convidad em Ter Abr 17, 2012 1:19 pm

A garota estava acomodada num sofá, com os pés sob a mesa de centro da sala de estar. Suas roupas, como sempre, eram negras e seus cabelos estavam presos em um rabo de cavalo alto. A sua expressão era de uma profunda indiferença, expressão que até a pouco poderia ser quebrada. A frieza da garota era algo fora do normal mesmo para um filho de Érebo. Como alguém podia ser tão frio? Simples: trocando sua humanidade por poder. Solaria escolhera virar Ceifadora do deus da morte, mesmo sabendo que isso lhe custaria a humanidade que tinha. Seus olhos se fecharam e o lugar pareceu ficar ainda mais negro, mais sombrio para a garota.


Solaria acordou horas mais tarde, ainda adormecida no sofá. Se ajeitou e olhou ao redor: o chalé estava tão silencioso quanto antes. Ergueu-se e foi para a sala destinada as oferendas ao pai. Não havia o que oferecer na verdade, estava apenas querendo orar um pouco e pensou que talvez ali, em meio a escuridão e ao silencio da sala de oferendas, fosse melhor. Seus lábios levemente rosados então começaram a se mover.

── Pai, obrigada por me dar a oportunidade de estar aqui hoje. Não devo ter sido uma boa filha antes, nunca orava e nem nada, mas não sabia quem era o meu verdadeiro pai. Hoje, sabendo quem é e tendo ciência de meus poderes, agradeço-te por tudo. Também gostaria de lhe explicar minha escolha. Talvez o senhor compreenda que eu sempre tive dificuldade em entender os sentimentos, minha parte humana, e, por isso, me senti tentada a abrir mão dela para servir a Thanatos, o senhor da morte. Talvez agora, como Ceifadora de Thanatos, eu possa até lhe ser uma filha melhor, no limite de minhas possibilidades, afinal, devo primeiro respeito e obediência ao meu mestre. Não irei mais ocupar seu tempo com esta ladainha, até qualquer hora.

Depois de seu pequeno discurso, se ergueu e saiu do local, indo para o quarto se trocar e sair para o exterior do chalé de seu pai, Érebos.

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum