Ficha de Reclamação

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Ficha de Reclamação

Mensagem  Nolan C. Fontaine em Qua Jul 31, 2013 12:38 pm

Ficha de reclamação de
Nolan Crimson Fontaine


NomeNolan Crimson Fontaine
Idade16 Anos
ProgenitorPhobos
MotivoMedo? Para uma criança, possuir tal sentimento é algo extremamente normal. Mas não para Nolan Crimson Fontaine, que com apenas cinco anos de idade não sabia qual era o verdadeiro sentido da palavra medo. Desde muito cedo o "bicho-papão", o "boneco assassino" e outros monstros das lendas urbanas não o perturbavam da forma que deviam. A primeira vez que identificou o "medo" foi quando quase esteve cara a cara com a morte, no dia que encontrou um monstro que poderia realmente o fazer mal.
Progenitor mortalMelissa Fontaine. Psicóloga, trabalhava com a finalidade de fazer com que seus pacientes perdessem seus medos, desde aqueles que não conseguiam entrar no mar até os que não conseguiam ver uma barata. Seu pai era general no exército americano e sua mãe médica. Com mais ou menos treze anos de idade Melissa havia percebido que conseguia enxergar algumas coisas que outras pessoas não viam. Com o passar dos anos sua capacidade de enxergar o "sobrenatural" - que naquela época ela achava ser um problema de cabeça - aumentou, o que a fez procurar ajuda médica. Os psicólogos disseram que ela poderia ter uma distúrbio mental, mas que aquilo não iria atrapalhar sua vida se ela conseguisse controlar. Com 19 anos ingressou na faculdade para fazer psicologia com o intuito de entender a mente humana e descobrir alguma coisa que envolvesse as estranhas visões. Quando se formou, com 24 anos, Melissa ainda não havia descoberto qual era seu real problema. Abriu um consultório para poder ajudar pacientes vitimas de seus medos - uma vez que seu pai, após perder o movimento dos membros inferiores numa operação do exército, possui medo ao ouvir qualquer barulho que se assemelhe a tiros. Ela percebeu, com a ajuda de seus pacientes, que não tinha medo das visões que tinha... Ou que na verdade estava tão preocupada com aquele problema que não percebeu que o medo não a atingia da mesma forma que antigamente. Conseguiu fazer com que seus pacientes vencessem as mais diferentes fobias o que a dava energia para enfrentar seu próprio problema. Até que "ele" apareceu numa noite fria. Melissa saíra tarde do escritório e por algum motivo resolveu ir para sua casa de metro, invés de pegar um táxi. Quando desceu as escadas para o terminal tudo ficou escuro. Não enxergava as pessoas a sua volta e não ouvia nada além de sua própria voz pedindo por ajuda. Não tardou para que um riso desconhecido quebrasse o silêncio e após outros sons medonhos tomassem conta da escuridão. Antes que pudesse se desesperar, proferiu com seriedade "Eu lutei pelo medo de outras pessoas. Sou capaz de lutar pelo meu próprio". Quando abriu os olhos - que não havia percebido que havia fechado - tudo estava normal. Não entendeu o porque daquilo ter acontecido, mas a partir daquele momento Phobos estava a olhando de forma diferente. Cinco noite após esse acontecimento o deus do medo entrou no consultório de Melissa, fingindo ter uma grande quantidade de medos. No mesmo dia eles se encontraram mais uma vez , porém de noite, e Phobos contou quem ele era e o porque dela enxergar coisas diferentes de outras pessoa.
Defeitos e qualidadesNolan é um semideus muito esperto, não quando se trata na inteligência, mas sim em se aproveitar dos acontecimentos a sua volta para poder "crescer". É arrogante e só faz amizades com as pessoas que podem representar um beneficio futuro.
Cidade natal e atualNasceu em Nova York, EUA, porém quando completou doze anos ele e sua mãe se mudaram para a Noruega.
HabilidadeSua capacidade de convencer as pessoas é impressionante.
HistóriaNunca teve medo das coisas ao seu redor, até o dia que se deparou com uma mulher serpente (Dracaena) em uma floresta na cidade onde morava. Estava sozinho naquele momento, já que tinha ido até aquele lugar na tentativa de se encontrar com uma garota nova da escola... Que nunca pensou que se transformaria naquela criatura. Começou a correr desesperado, enquanto a dracaena munida de duas espadas vinha em sua direção com sede de morte. Gritou por ajuda mas apenas recebeu o silêncio da floresta. Seu corpo começou a se cansar já que não estava acostumado a correr daquela forma, e toda vez que olhava para trás a mulher-serpente estava em seu encalço. Foi então que ouviu o grito de sua mãe e de um desconhecido dizendo seu nome "Nolan, cadê você". Seguiu as vozes que vinham da estrada mais próxima e quando os avistou (sua mãe junto de um homem com pernas de bode) pensou estar em um terrível pesadelo. Viu que sua mãe segurava uma espingarda que estava apontada em sua direção, e antes que Nolan falasse para ela fugir, ouviu a arma disparando. A bala atravessou a cabeça da Dracaena que caiu no chão naquele mesmo instante. Nolan entrou no carro, junto de sua mãe e o misterioso acompanhante que parecia ser um aliado naquele momento. Não demorou muito para que sua mãe contasse a história de como havia conhecido o pai que o semideus pensou estar morto depois de tanto tempo. Conseguiram pegar um avião naquela noite para que voltassem para os Estados Unidos e Nolan foi então levado para o Acampamento, junto de Drow, o satírio que havia ido busca-lo na Noruega.

Nolan C. Fontaine
Filhos de Fobos
Filhos de Fobos

Mensagens : 1
Pontos : 3
Data de inscrição : 29/05/2013

Ficha do personagem
HP:
100/100  (100/100)
MP:
100/100  (100/100)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum