Ficha de Reclamação

Ir em baixo

Ficha de Reclamação

Mensagem  Angelov em Seg Ago 12, 2013 9:51 pm

Ficha de reclamação de
Angelov


NomeAngelov
IdadeAparenta ter 20.
ProgenitorZeus e Mnemosyne
MotivoDesde o principio o motivo da existência das ninfas era perpetuar a glória dos Olimpianos sobre os titãs. O meu desejo é perpetuar os atos heróicos dos campistas e dos seus amores, deixando registrados na memória e nos livros.
Progenitor mortalNão tem.
Defeitos e qualidadesÉ uma personalidade meio estranha, pois é tão volúvel quanto o próprio amor.
Tem aproximadamente 1,70 metros, cabelos rosados na altura dos ombros bem volumoso e brilhante. Nas costas alvas, carrega três imagens, duas asas quebradas e uma frase que lhe lembrava o seu eterno amado. Leva em seu rosto má expressão melancólica e sempre recita baixinho para si mesma.

Cidade natal e atualNasceu no Olimpo e mora atualmente no acampamento.
HabilidadeInspirar as pessoas com versos sussurrados em seus ouvidos durante a noite.
HistóriaNasci depois das nove ninfas mitológicas, em um pequeno affair de Zeus e Mnemosine, quando tentaram reatari relacionamento perdido. Eles brigavam por assuntos tão fúteis que eu acabei tendo uma visão negativa do amor, pelo menos até experimentar o sentimento verdadeiro.
Minha infância foi até tranquilo, pois eu claramente não fui criada pelos meus pais, caso o contrário, acho que teria me jogado no Estige e morrido precocemente. Fui cuidada desde cedo apenas por ninfas, inclusive as meliades, que me inspiraram a manejar lâminas e arcos. Meu nome era outro, que não vale a pena lembrar.
Meus amados sempre foram poetas, a quem eu amava cegamente e sussurrava meus versos todas as noites, seduzindo-os a comporem os seus melhores poemas. Os amava de longe, até que aquele que não me deu respostas chegar em passos lentos em meu coração.
O anemoi que sopra para o nordeste me levou às alturas, mas me abandonou com tanta frieza quanto as águas do mar Ártico, me deixando só em uma noite triste em Montecarlo. Depois disso me dediquei à s artes visuais, fingindo ser uma humana e me instalando em Paris, em um ateliê de um bairro nobre. Não consegui mais me aproximar de homem nenhum, pois eles não me eram tão atraentes quanto aquele que me deixou. Deixei transparecer minha frustração para todos, usando sempre blusas e vestidos de costas nuas. Duas asas quebradas pendiam nas minhas omoplatas, pintadas em preto e dois versos escritos em vermelho escuro, em letra manuscrita bem pequena:
"De longe te hei de amar- da tranquila distância em que o amor é saudade e o desejo, constância."

Residi na cidade luz apenas por alguns anos, adotando o nome (Anya) Angelov, meu nome mortal, com que assinei meus poemas e quadros. Fui para os E.U.A. na esperança de reencontrar minha alegria, me hospedando no acampamento meio-sangue, a pedido de Quiron.
avatar
Angelov

Mensagens : 7
Pontos : 11
Data de inscrição : 06/06/2013

Ficha do personagem
HP:
100/100  (100/100)
MP:
100/100  (100/100)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum