Escolta- Paola Cavion- Trancada

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Escolta- Paola Cavion- Trancada

Mensagem  Psiquê em Sex Out 04, 2013 7:22 pm

E parecia então que a calmaria seria passageira para a jovem semideusa. Faltava pouco para chegar ao acampamento, tão pouco para chegar em sua nova casa, os semideuses que a acompanhavam conversavam sobre coisas tolas e até mesmo sobre a beleza da moça, fazendo apostas sobre quem acertaria de quem era filha. Todavia sua alegria findava quando uma harpia se aproximou do grupo, uma harpia arranhava as costas da moça. Os rapazes ficaram atordoados e começaram a tentar atacá-la, porém ela se aproximou dos dois e ali mesmo no ar os abateu, rápida e ladina.
-Tu és a próxima pequena. -Ela dizia estridente e a menina assustada não sabia o que fazer.


Última edição por Psiquê em Seg Out 21, 2013 2:05 pm, editado 1 vez(es)



"A vida é como as borboletas, tu podes voar alto; todavia é necessário amadurecimento de tua parte

I've tried so hard
And got so far
But in the end
It doesn't even matter
I had to fall
To lose it all
But in the end
It doesn't even matter
avatar
Psiquê
Deuses Menores
Deuses Menores

Mensagens : 87
Pontos : 97
Data de inscrição : 17/06/2012

Ficha do personagem
HP:
99999999999/9999999999  (99999999999/9999999999)
MP:
9999999999/99999999999  (9999999999/99999999999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Escolta- Paola Cavion- Trancada

Mensagem  Paola Cavion em Sex Out 04, 2013 8:15 pm

Enfrentamento!

"O que está havendo comigo? Quem realmente eu sou? Como eu fui perder a minha memória? Isso não podia ter acontecido." Estava deitada sobre um Pégaso, acompanhada de alguns semideuses. Tudo estava tranquilo, tranquilo até demais para pessoas como ela. O vento batia, ou melhor, acariciava o rosto da jovem, que mesmo estando completamente confusa e cansada, esbanjava um sorriso discreto. Estava sendo levada para a sua nova casa, onde conheceria uma família com pessoas iguais à ela. Acreditava que, com o passar do tempo, fosse recuperando suas lembranças, no fundo só queria entender quem era ela, e para isso era necessário que conhecesse o seu passado, para conseguir entender o presente e planejar um futuro."Falta pouco. Falta pouco para eu ter um lar, amigos e família. Falta pouco para a minha vida, de fato,  recomeçar."Olhava para o reino de Zeus, enquanto refletia sobre o que iria, ou melhor, sobre o que poderia acontecer dali para frente.

Fechou os olhos e se sentou. Sentia o vento ir ao encontro do seu corpo. Adorava aquela sensação. Seu cabelo já estava bagunçado por causa do ar, mas ela não se importava com aquilo, o gosto de liberdade que a sensação de estar voando lhe trazia era mágica, incomparável, era maravilhosamente perfeita. Enquanto viajava em suas sensações e pensamentos, conseguia ouvir algumas palavras pronunciadas por aqueles que lhe faziam companhia. Porém não dava muita atenção para as mesmas, eles ficavam opinando sobre quem deveria ser o/a deus(a), que era progenitor(a) de Paola.
"Qual sangue divino corre em minhas veias? De quem sou filha?" A jovem também estava curiosa, mais do que os garotos, sobre para qual chalé seria designada assim que fosse reconhecida por seu descendente divino.

Porém havia algo errado no ar. A vida de semideuses nunca era tranquila, tampouco segura. No caso da pequena Cavion não  seria diferente. De repente, em meio a risos e palavras soltas, uma dor intensa tomou conta do corpo de Paola. Suas costas haviam sido rasgadas pelas garras afiadas de uma maldita Harpia. Sentia o sangue saindo de seu interior e escorrendo pela sua pele e molhando, ou melhor, sujando sua blusa.
- AAAAAAAHHHHHHHHHHHHH - O grito que saíra da garganta da menina ecoou pelo ambiente. Seu corpo caiu sobre o do animal, o que impediu que ela fosse derrubada do cavalo alado. Duas lágrimas escorreram de seus olhos. Olhando para o lado, viu os jovens tentando fazer alguma coisa contra a criatura, porém não estavam tenso sucesso. Foi quando aconteceu. Viu seus "companheiros" perdendo a vida de forma cruel. - NÃÃÃÃOOOO! - Novamente, gritou a menina, que dessa vez lamentava pelo que havia acabado de presenciar. Aquelas imagens com certeza não iriam deixa-la em paz tão cedo. -Tu és a próxima pequena. - Pronunciara a criatura. - Sua desgraçada! - Pronunciou tais palavras com raiva.

Paola não sabia  o que fazer, porém se ficasse ali, parada, só seria mais uma cuja alma seria entregue ao deus do submundo naquele dia.
"Não adianta. Tudo que venha a fazer vai me levar à morte... porém eu não vou, não posso desistir. Tenho que fazer alguma coisa para provar que a morte desses jovens não fora em vão." Fez  um movimento com a mão na crina do animal, pedindo para que o mesmo virasse para o lado, indo na direção dos cadáveres para que ela conseguisse se aproximar o suficiente para que, com as mãos, conseguisse achar e pegar alguma arma com a qual pudesse se defender e mostrar  que era capaz  de sobreviver mediante àquele mundo. Caso conseguisse pegar alguma arma, tentaria fazer com que sua montaria se dirigisse para ficar acima da Harpia para que, então, eles descessem e ela, com a arma, pudesse desferir algum golpe contra a criatura. A essa altura a raiva já tomara seu corpo. Seus olhos demonstravam determinação e ódio, nada mais.
avatar
Paola Cavion
Filhos de Éolo
Filhos de Éolo

Mensagens : 3
Pontos : 5
Data de inscrição : 02/10/2013

Ficha do personagem
HP:
100/100  (100/100)
MP:
100/100  (100/100)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Escolta- Paola Cavion- Trancada

Mensagem  Psiquê em Sab Out 05, 2013 6:45 pm

E fostes corajosa, a guria conseguira se aproximar de seus companheiros de viagem, todavia não obtivera exito em pegar alguma arma. Já que neste instante a harpia lhe puxara os pés, ela batera  a cabeça na sela do cavalo e fora jogada para longe; um arranhão que ela tivera apenas em sua testa. No momento em que estava caindo, fora pega por um rapaz, sua expressão estava preocupada e possuía uma espada no flanco. Um arco fincado na terra e uma aljava as costas, seu rosto era moreno e seu cabelos cacheados e negros, seus olhos eram de um azul da cor do mar.
-Estás bem? -Perguntou com uma voz que demonstrava autoridade, mas ainda assim um certo afeto pela rapariga. - Sou Saltiare, um sátiro protetor, estou aqui para lhe levar para o acampamento. -Deixou a guria no chão e lhe pôs uma espada de bronze celestial na mão. -Use apenas para se defender, agora precisamos te colocar de volta no pégasus, corra o mais rápido que conseguir, enquanto eu te dou cobertura.  
O rapaz atirava flechas na harpia, enquanto a moça corria, a harpia os perseguia.
Aviso:
Prazo para postar em 48 horas, fora do prazo escolta trancada.



"A vida é como as borboletas, tu podes voar alto; todavia é necessário amadurecimento de tua parte

I've tried so hard
And got so far
But in the end
It doesn't even matter
I had to fall
To lose it all
But in the end
It doesn't even matter
avatar
Psiquê
Deuses Menores
Deuses Menores

Mensagens : 87
Pontos : 97
Data de inscrição : 17/06/2012

Ficha do personagem
HP:
99999999999/9999999999  (99999999999/9999999999)
MP:
9999999999/99999999999  (9999999999/99999999999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Escolta- Paola Cavion- Trancada

Mensagem  Psiquê em Seg Out 21, 2013 2:06 pm

Aviso:
Escolta trancada pela campista não ter postado no prazo determinado.



"A vida é como as borboletas, tu podes voar alto; todavia é necessário amadurecimento de tua parte

I've tried so hard
And got so far
But in the end
It doesn't even matter
I had to fall
To lose it all
But in the end
It doesn't even matter
avatar
Psiquê
Deuses Menores
Deuses Menores

Mensagens : 87
Pontos : 97
Data de inscrição : 17/06/2012

Ficha do personagem
HP:
99999999999/9999999999  (99999999999/9999999999)
MP:
9999999999/99999999999  (9999999999/99999999999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Escolta- Paola Cavion- Trancada

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum