LABIRINTO DE PERGUNTAS II

Página 9 de 11 Anterior  1, 2, 3 ... 8, 9, 10, 11  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

LABIRINTO DE PERGUNTAS II

Mensagem  Hipnos em Sex Out 05, 2012 4:48 pm

Relembrando a primeira mensagem :

Labirinto de Perguntas
parte II
Havia decorrido bastante tempo, desde que Athena havia pedido algo ao acampamento que exigisse dos campistas um conhecimento amplo sobre os segredos dos deuses Olimpianos, seus mistérios divinos e histórias contadas através dos tempos. Da ultima vez a missão foi a pedido de Sphinx, pois ela queria um enigma novo para perguntar aos forasteiros que cruzam as fronteiras egípcias, pois a antiga questão estava ultrapassada e todos os habitantes desse mundo moderno já sabiam a resposta da charada velha. No entanto, Athena retornou ao acampamento para uma nova jornada pelo labirinto de perguntas. A deusa novamente queria testar os conhecimentos dos jovens meninos-deuses, afim de recompensá-los com infinitas bençãos e o famoso reconhecimento divino.

Assim que a deusa virginal explicou a situação para Quiron e Dionísio, os mesmos pediram para que um sátiro encontrasse o primeiro semideus que visse e o chamasse para a casa grande. Pois bem, o menino bode foi direto para a região dos chalés, mas pelo caminho acabou trombando com uma filha do sono que rondava sozinha por ali. Ele a pegou pelo braço e balbuciou algo ininteligível enquanto arrastava-a para a casa grande. A garota sem saber o que fazer, agora estava frente a frente com o centauro e o deus das festas e ritos vinícolas. - Uma filha de Hipnos? tem certeza que isso vai dar certo? - comentou em tom de deboche o senhor D em referencia à lentidão dos filhos do deus do sono. Quiron trotou em volta da garota e a sentou numa poltrona, onde ficasse confortável e segura - Sim, acho que dará tudo certo. - afirmou o centauro.  
REGRAS:

Sempre leia as regras, poi as vezes escrevo coisas novas e se não lidas podem causar sérios danos.

I-) Narre o momento em que acordou, o que foi fazer e como foi  surpreendida pelo sátiro e o momento de tensão ou não, na casa grande.
II-) Seus atos tem consequências, então tome as decisões com cautela.

Ps1: qualquer dúvida, me mande uma MP
Ps2: Façam uma boa narração. sem erros abruptos, se teu texto for mal escrito e cheio de heroísmo, será penalizado. Não me dê motivo para mata-la.


★ Call me Hypnos, the Sleeper and Dreams's Keeper ★
Sleep is always a dream, don't you think?

credits @
avatar
Hipnos
Deuses Menores
Deuses Menores

Mensagens : 858
Pontos : 1103
Data de inscrição : 23/01/2012
Localização : Rio Lethe

Ficha do personagem
HP:
999999/999999  (999999/999999)
MP:
999999/999999  (999999/999999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário http://lrfl.deviantart.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: LABIRINTO DE PERGUNTAS II

Mensagem  Frida Forestiere em Qui Jan 09, 2014 11:36 pm

Foi tudo tão rápido que apenas senti um calor muito intenso em meu corpo. Apesar de não ter muito efeito, o trabalho feito em equipe surtiu um efeito muito bom no senhor. E eu estava muito feliz com que havia conseguido fazer, era minha primeira vez, era quase que um teste, mas que no final deu certo. Quem sabe com um pouco mais de raiva na próxima eu consiga algo impressionante. Assim que o calor foi diminuindo olhei para Cain que já estava normal, pelo menos seu corpo não tremia. O outro campista estava próximo e perguntava o nome o homem misterioso. Enquanto tudo acontecia tentei fazer algumas ligações com as dicas que o homem havia dado, sobre sua vida... Não era tão difícil, mas uma história se formava em minha cabeça. Talvez esse fosse o momento para conhecer-nos melhor. A minha intenção desde o começo era começar com calma e questionários básico, como fiz com Korona, mas Tom foi logo atacando e então foi tudo pro ar.
Me acalmei e apenas observei Gabriel aguardando uma resposta.



Frida Forestiere
Desejo a todas inimigas vida longa

thank you, thay.
avatar
Frida Forestiere
Filhos de Deméter
Filhos de Deméter

Mensagens : 414
Pontos : 413
Data de inscrição : 13/01/2012
Idade : 24

Ficha do personagem
HP:
140/140  (140/140)
MP:
140/140  (140/140)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LABIRINTO DE PERGUNTAS II

Mensagem  Hipnos em Sex Jan 10, 2014 2:11 am

Labirinto de Perguntas
parte II

FRIDA, CAIN, TOM e GABRIEL 
Os garotos, apesar de estarem elétricos pelo que ocorreria, sentiam frio. Frida nem tanto, pois estava quente por dentro por causa de sua aura de verão. Cain já estava meio corado e Tom, junto dele, deixava metade do time adormecido. O homem de gelo esbanjava um sorriso idiota no rosto sério. Seu cachecol voava no vento frio e alguns cristais de gelo se formavam, como se ventasse diamante naquela cúpula de cristal. O guardião olhou vencedor  para Gabriel e molhou os lábios, fechando os olhos. A pergunta do garoto era mio boba, mas foi o suficiente para que as sombras o recuperassem um tantinho - Me chamo Cloud D'Ice, sou um descendente de Boreas, o deus do vento Norte - disse cortês, fazendo uma reverencia elegante - Eu fui preso aqui pelo meu pai, pois assim como um outro campista idiota do acampamento Jupiter, eu tenho um outra linhagem divina que me rendeu poderes absurdos e os deuses com medo de mim, me trancaram nesse labirinto escroto - disse o homem arrumando os cabelos desgrenhados.

Cloud não parecia mais tão ameaçador, pois agora ele se enquadrava no tema: normalidade romântica dos deuses. Frida continuava aquecida e Gabriel se beneficiava do calor que ela emanava. Lobos de gelo e vento se formavam ao redor do pátio onde o guardião estava e ele dizia palavras em francês que só a caçadora entendia: "Lobos, uivem para mim e se apresentem para realizar os meus caprichos" - Para conseguir o premio e saírem do meu templo, vocês precisam desvendar 3 charadas - disse e os lobos uivaram. Eram 4 lupinos brancos e congelantes - O primeiro é o seguinte... - continuou - A uns dois dias atrás, esse garoto no chão tinha 8 anos. Ano que vem ela terá 11... - os lobos rosnaram e partiram pra cima dos campistas -  Me digam como  isso é possível, antes que meus lobos os matem... - disse sorridente.

ETÓN
O homem montado no cavalo estava completamente encantado pelo céu e parecia estar tão distraído que Etón até se sentiu mal de tê-lo interrompido. Os olhos do cavaleiro miraram os do filho de Deimos e o mesmo sentiu paz e serenidade. O guardião era tão humano e tão sereno que passava uma sensação melancólica para o ceifador. Mesmo sem sentimentos profundos que criassem raiz, o menino deus podia sentir um lapso de saudade se formando ali em seu peito oco - Somos doze estrelas ao redor do Sol. Aries é o guardião de Athena e só deixa os mais preparados entrarem em nosso interior. Touro caiu pelas mãos de uma bela jovem, mas levou consigo um garoto. Gêmeos está sendo invadida por ti e Câncer nem foi desvendado ainda. Tenha cuidado quando passar por lá. O Leão e seu jogo de azar foi vencido pela mesma garota de Touro. As próximas três casas do zodíaco continua um mistério, mesmo para mim. A estátua de Sagitário foi destruída por um filho de Hipnos, o seu "anjo" e com ele o arco de Sagita. Arthur o capricórnio ainda espera um oponente a sua altura. Há um grupo lutando contra o gelo de Aquário e um campista nomeado guardião de Peixes, jaz morto pela flecha da guerreira mais bravia que entrou por esses muros... - disse o homem num longo falatório, sem tirar os olhos das estrelas que brilhavam no teto noturno.

O som do relógio se tornou intenso e o cavalo negro do moço relinchava. O homem sem nome, cavalgou pelo lugar, olhando atentamente os ponteiros do relógio. Estava marcando quase 6 da manhã. O falatório foi tão longo e a contemplação tão intensa que Etón nem notou o tempo passar - O relógio marca o tempo de cada um de nós... Assim como a noite se vai, o Sol logo vem atrás.... - Ao dizer isso, As tochas de fogo se apagaram, levando embora as estrelas e o luar. A sala se iluminou-se de uma vez, mostrando um grande Sol brilhante no teto. As nuvens enfeitavam as paredes e os símbolos do Zodíaco decoravam a sala, no lugar onde deveria estar os candelabros. O cavalo tornou-se tão alvo como a neve e muito mais calmo do que o corcel negro de antes. Suas rédeas eram puxadas pelo mesmo homem de antes, mas em sua cabeça havia uma coroa de louros da cor do ouro. Seu rosto era sublime, mas algo em seus olhos azulados mostrava loucura. Seu corpo continuava nu, mas ele não estava mais tão avoado - Bem vindo a Gêmeos - disse numa gargalhada maligna.

Etón estava confuso com tudo aquilo. O relógio era rápido demais ou o tempo que passava numa velocidade incrível? Esse homem esqueceu de tomar os remédios e sofre de Alzheimer? Noite, dia, o que isso significava? Eram tantas perguntas que o garoto não sabia ao certo o que fazer, mas ele precisava agir, pois o tic tac não parava. Quando o filho de Deimos percebeu, já eram 7 horas da manhã. O cavalo trocou o pé de descanso e o homem bufou.

ARIS 
O jovem de Afrodite sabia muito bem como usar as palavras e conversar. Era tudo o que o guardião queria. Educação e paciência em primeiro lugar antes do combate. Isso era essencial para que Aris atravessasse as casas sem muitas batalhas sangrentas. O ruivo fez desaparecer o corpo do campista morto num farol de luz intensa. Talvez aquele homem fosse o mais poderoso do labirinto, talvez fosse o mais fraco, e somente o garoto bonito saberia. O homem chamou o menino para perto e lhe tocou os ombros - Você tem um bom coração jovem, não deixe que o labirinto lhe consuma. Mantenha a calma e atravesse esse lugar somando suas forças a outros campistas - disse e lhe deu um mapa e um pedaço de ambrosia para sua jornada - Boa sorte Aris -  disse por fim, deixando o garoto livre para passar e explorar o famoso labirinto de perguntas.

------------------------------ MAPA ATUALIZADO ------------------------------
MAPA
------------------------------ JOGO ------------------------------
PARA TODOS: Recolher os pedaços de espelho
Frida - 3
Cain - 1
------------------------------ DANOS ------------------------------
FRIDA  140/140 HP  105/140 MP 
CAIN   30/100 HP   80/100 MP - Desmaiado até que poste
GABRIEL    150/150 HP 125/150 MP
TOM    60/110 HP 110/110 MP - Desmaiado até que poste
ETÓN    130/130 HP 130/130 MP
ARIS    100/100 HP 100/100 MP

------------------------------ OPONENTE ------------------------------
...
------------------------------ RECOMPENSA ------------------------------
FRIDA {Ambrosia que restaura HP/MP por completo + Mapa + Pulseira de Vidro}
CAIN {Ambrosia que restaura HP/MP por completo + Mapa + Sagitta}
GABRIEL {Ambrosia que restaura HP/MP por completo + Mapa)
TOM {Soul Edge}
ARIS {Ambrosia que restaura HP/MP por completo + Mapa)



^^:

Ps1: qualquer dúvida, me mande uma MP
Ps2: Faça uma boa narração. sem erros abruptos, se teu texto for mal escrito e cheio de heroísmo, será penalizado. Não me dê motivo para MATA-LO
[/center]


★ Call me Hypnos, the Sleeper and Dreams's Keeper ★
Sleep is always a dream, don't you think?

credits @
avatar
Hipnos
Deuses Menores
Deuses Menores

Mensagens : 858
Pontos : 1103
Data de inscrição : 23/01/2012
Localização : Rio Lethe

Ficha do personagem
HP:
999999/999999  (999999/999999)
MP:
999999/999999  (999999/999999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário http://lrfl.deviantart.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LABIRINTO DE PERGUNTAS II

Mensagem  Etón Clesse em Sex Jan 10, 2014 10:23 pm

Headstrong to take on anyone ❝ lari ❞
O
tempo passara rapidamente assim como antes enquanto eu falava com o garoto misterioso. Ouvi atentamente suas palavras e sua explicação do labirinto enquanto eu me levantava e coçava o maxilar, meus pensamentos no momento eram de apenas prender tudo aquilo em minha cabeça, o que eu imagino que não seria tão díficil. Assim que o homem terminou de falar eu me toquei do horário e que já era hora do amãnhecer: "- O relógio marca o tempo de cada um de nós... Assim como a noite se vai, Sol logo vem atrás..." - foi a ultima coisa que ouvi do misterioso homem. Quado abri a boca para perguntar sobre isso para ter certeza do que aconteceria as "luzes" se apagaram rapidamente e após alguns segundos de apenas a iluminação das estrelas no céu darem a luz do salão veio um clarão, tampei meus olhos com as mãos e fechei os mesmos por instinto.
Demorei alguns segundos até que conseguisse me acostumar a luz que se tornara cada vez mais forte ali, quando observei o teto novamente era o sol que estava lá e não a lua. Me virei para encarar o homem anterior, e minhas duvidas haviam sido confirmadas...
"Bem-vindo a Gêmeos."
Foi a fala de apresentação do novo homem identico ao anterior, porem sua coroa era a unica diferença, alem de seus olhos... o sentimento que eles passavam, terror, loucura. Essas sensações na verdade deveriam me fazer gelar a espinha, mas como um bom ceifador que era não poderia me amedrontar por essas sensações nem mesmo se quisesse.
- Obrigado senhor. Antes de mais nada... Srº Cavalo. - Disse com um sorriso de canto, aquele senhor não era a mesma pessoa que o anterior, seu espirito era diferente, um tanto quanto mais feroz e mais louco, eu deveria estar preparado para tudo... mesmo depois daqueles enigmas eu não poderia achar que não teria de passar por um teste físico. A hora chegava. - Imagino que não vai me deixar completar seu santuário sem antes passar pelo seu teste correto?. - esperei a obvio resposta do homem e continuei com um suspiro. - Quando se sentir pronto, comecemos.
Me afastei dele até alguns bons metros de distancia, me preparei para o combate. Foice empunhada com um de meus braços e meu escudo preparado no ante-braço do outro. Ele avançaria com o cavalo, possivelmente... Eu deveria me esquivar ou defender seu primeiro ataque e me distanciar procurando uma brecha para atacar com minha foice em uma das patas do lindo garanhão caso ele ainda estivesse montado, caso contrario me afastaria apenas para observar os equipamentos do "Louco".

Etón Clesse

Arsenal:

- Duo-lança: Lança com cabo feito de ouro negro que possui em cada extremidade uma ponta extremamente afiada feita de bronze sagrado.

- Espinheiro: Escudo feito de titânio revestido com vibrânio que possui espinhos de bronze sagrado afiados revestindo. Absorve os impactos desferidos contra ele.

Capa Negra: Uma capa desfiada que cobre completamente o corpo do ceifador, escondendo sua identidade e tem a resistência de uma armadura. Protege em 15% dos ataques desferidos, não é possível outra pessoa retira-la apenas o ceifador pode.

Foice: Foice afiadíssima, tem o tamanho do ceifador, sua lâmina tem um metro de comprimento.

(Estou usando)
I ♥ Boobs: Uma camisa branca escrito "I ♥ Boobs" em preto, menos o coração que é vermelho. (By: Jon D. Gilmour)"
♣ Armadura da Morte: Um bracelete negro preso ao pulso do Ceifador, feito plenamente de um metal negro, com o pensamento do semideus ela se torna uma armadura completa. Feita de Ouro Celestial tingida da cor preta e com pequenos detalhes roxo em seu peitoral que formavam o simbolo de Deimos, um leão rugindo. A armadura protegia o corpo inteiro, deixando apenas pequeno lugares livres que eram locais que poderiam atrapalhar a movimentação de seus membros. (Armadura é o simbolo da união de um semideus filho de Deimos e Ceifador de Tânato.)



ETÓN CLESSE | SON OF DEIMOS | GRIM REAPER OF TÁNATO |LEADER; CHALÉ XIV | PUPIL OF ALBA | FANTASMA ♥️ / ©️ CG
avatar
Etón Clesse
Filhos de Deimos
Filhos de Deimos

Mensagens : 45
Pontos : 47
Data de inscrição : 12/09/2013
Idade : 20
Localização : Acampento Meio-Sangue

Ficha do personagem
HP:
140/150  (140/150)
MP:
140/150  (140/150)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LABIRINTO DE PERGUNTAS II

Mensagem  Frida Forestiere em Dom Jan 12, 2014 10:30 pm

Ok! Isso está ficando cada vez mais estranho, mais estranho que o Korona. Apesar dele ter me dado esse presente que ainda não usei, ele é um cara bem estranho.  O senhor então finalmente falou seu nome, Cloud, um nome fofo para um cara frio.  Então ele era o filho rejeitado de Bóreas, interessante, não mais interessante que os lobos que apareceram atrás dele.  Confesso que eu  meio que senti um afeto por eles, fofos e bravos. Vocês sabem, caçadoras, lobos...  Cloud era bem esperto, mas não sei se seria mais esperto que duas cabeças pensantes. Não estou subestimando-o, mas nem sempre os poderosos são mais espertos que um simples campista. Um enigma foi lançado, e confissão a parte, minha vida inteira era rodeada por enigmas e graças a sabedoria que meu pai havia me dado desde muito pequena eu tinha uma certa facilidade para resolve-los a tempo de qualquer tragédia. As vezes era preciso arriscar alguma coisa, por exemplo a minha mão, que ficou na casa de Touro, junto com aquela máquina horrível. Só de lembrar de tudo um arrepio me sobe a espinha.

Nós sabiamos que o senhor C. não estava para brincadeira, afinal ele não passava isso em sua expressão facial. O enigma não parecia ser difícil, mas com lobos vindo em sua direção, ajudava a piorar a situação. Eu poderia sentir a adrenalina correndo pelo corpo e inibindo certas coisas. Eu precisava de mais um minuto para pensar. O outro garoto lutava e mandava para longe os lobos, enquanto isso tive um tempo para pensar, quero dizer, uns segundos. Falei com a voz firme antes que o campista pudesse falar algo, tomei frente da situação, sim, estava arriscando nossas vidas. - Derrière !- Falei lançando meu olhar para os lobos e minha voz para os mesmo. Fitei os olhos de Cloud. - Já sei a resposta do seu enigma!- Disse com a voz mais suave e calma.- É uma questão de lógica- Disse caminhando até Gabriel, para que pudesse falar para Cloud a resposta e os dois ouvissem.- O garoto óbviamente deve ter nascido em algum ano, cujo não sabemos. Então suponhamos que ele tenha nascido no dia 31 de dezembro de 2000. Isso significa que o garoto fará 9 anos no dia 31 de dezembro de 2009. Suponhamos também que “hoje” seja dia 1 de janeiro de 2010. Com tais fatos, dois dias atrás seria de 30 de dezembro de 2009, ou seja, ele ainda teria 8 anos.  Voltando a 1 de janeiro de 2010. “Ano que vem” será 2011. Logo, em 31 de dezembro de 2011 ele terá 11 anos.- Terminei de falar e respirei calmamente. Um tipo de suor frio tomava conta de minha única mão. Tentei sorrir elegantemente.



Frida Forestiere
Desejo a todas inimigas vida longa

thank you, thay.
avatar
Frida Forestiere
Filhos de Deméter
Filhos de Deméter

Mensagens : 414
Pontos : 413
Data de inscrição : 13/01/2012
Idade : 24

Ficha do personagem
HP:
140/140  (140/140)
MP:
140/140  (140/140)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

charadas

Mensagem  Gabriel Lebber Daniel em Seg Jan 13, 2014 2:36 pm

Ótimo, ja me sentia mais forte por causa das sombras. Mas mesmo assim fazia bem frio ali, apesar de eu gostar desse tipo de clima. Depois de uma pausa, o homem respondeu minha pergunta e logo em seguida nos disse uma charada, e lobos de neve se formavam ao redor do patio.


Como eu so horivel em charadas, deveria tomar conta dos lobos enquanto Frida á respondia. Eu tentava expulsar os lobos, gritando - Fora!!! XÔ!!! CAMINHA!!! - E coisas como essas, mas claro que nao iam ajudar muita coisa, só estava tentando ganhar tempo, para tentar me recuperar ainda mais com as sombras (cura sombria) assim que algum dos lobos se aproximasse eu me esquivaria e o atacaria com um golpe vertical, se mais lobos pulassem juntos em mim, eu daria um salto para tras e se eles estivessem perto o suficiente do alcance de minha foice, faria um araque horizontal e tentaria acertar mais de um lobo, e sempre tomando cuidado com possiveis ataques, se algo inesperado ocorresse, alguem ou algo me atacasse eu iria tentar esquivar e tomar distancia.
avatar
Gabriel Lebber Daniel
Filhos de Ares
Filhos de Ares

Mensagens : 124
Pontos : 130
Data de inscrição : 09/09/2013
Idade : 20
Localização : submundo...

Ficha do personagem
HP:
340/340  (340/340)
MP:
340/340  (340/340)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LABIRINTO DE PERGUNTAS II

Mensagem  Hipnos em Seg Jan 13, 2014 8:22 pm

Labirinto de Perguntas
parte II

FRIDA, CAIN, TOM e GABRIEL 
Cloud interrompeu os lobos antes que fizessem algo para os campistas. O homem de echarpe azul fechou os olhos e bateu palmas de forma simples e educada. A resposta da garota morena estava absolutamente certa e nada nesse mundo iria contra isso. Os cabelos pretos do guardião de Aquário se esvoaçaram e sua língua correu pelos seus lábios, estendendo os últimos num sorriso malicioso - Próxima! - ordenou. Os lobos viraram um vento gelado e circundaram os pés de cada campista, mesmo os desmaiados. Era tão frio e tão forte, que mesmo o calor da menina de Deméter se esfriava aos poucos. Ela já não sentia mais ira e sim um pouco de pânico, pois o cavalheiro gelado não estava para brincadeira. Ela sabia que no fundo, ele, Cloud, e Korona tinham joguinhos mortais nas mangas e adoravam saborear cada sofrimento de suas vítimas.

O Vento frio congelou um pódio debaixo dos pés dos garotos. Os desmaiados foram erguidos de forma sobrenatural e estavam suscetíveis aos mesmos danos causados - É o seguinte, caso errem a resposta... o vento que circula vocês irá, os matar aos pouquinhos, até que virem um esquife de gelo. E seus rostos jovens me olharam por toda a eternidade - disse cortês subindo as escadas para sentar em seu trono. Os pés do grupo de semideuses já não eram mais sentidos, pois uma camada de gelo eterno já cobriam os mesmos, impedindo-os de escaparem de seu jogo mortal. O homem de olhos cor de café suspirou e - Somos quatro, filhos de uma mesma mãe. Somos quatro, mas nenhum de nós somos parecidos. Somos quatro, mas juntos somos um só. Somando nossos dias, a vida se dá e diminuindo nosso tempo, a mesma se finda. Tudo cai, morre, renasce e recomeça... Somos filhos de uma mesma mãe, mas nem mesmo ela se dá conta que somos um só... - disse com uma voz aveludada e serena. O gelo já congelava os calcanhares dos heróis.

ETÓN
O homem de coroa de louros o olhava com desdem, abrindo um sorriso idiota para as coisas que ele tagarelava. O cavalo branco relinchou uma e outra vez, fazendo Etón ficar alerta para o que iria acontecer. A energia agressiva era tão grande que a peso gravitacional do salão diurno esmagava o corpo do meio-sangue - Eu estou sempre pronto! - disse o homem nu à cavalo. Uma lança interiça cobriu seu braço e um escudo de ouro branco com um grande Omega no centro surgiu em seu outro braço. A coroa de louros se transformou num elmo elegante com folhas douradas entalhadas e o pano que lhe cobria o corpo, tornou-se uma armadura reluzente. Ele parecia um cavaleiro medieval. Seu cavalo também se armou do nada, deixando-o o puro e calmo equino, tão amedrontador quando seu cavaleiro. O peso quase que quadruplicou, fazendo o vidro abaixo do garoto-deus trincar. Seu corpo estava muito pesado e o Sol da sala, reluzia o cavaleiro de gêmeos, o tornando uma fonte e luz intensa e cegante - São muitos altos e baixos!!! - disse por fim. Na mesma hora Etón sentiu seu corpo leve a ponto de flutuar alguns centímetros do chão. A lança arranhou o chão e o trotar do cavaleiro avançou em direção ao filho de Deimos.

O olhar fixo do cavaleiro por detrás da viseira, a lança mirada no alvo e o escudo perfeito soava como um grande desafio para o menino. O homem na verdade lembrava um personagem de desenho japonês. Algo como um Gallantmon ou algo parecido. Seus olhos até pararam um instante para analisar se essa comparação era possível. O inimigo se aproximava e Etón deveria agir o quanto antes!

ARIS - Perdido até que poste
O jovem de Afrodite sabia muito bem como usar as palavras e conversar. Era tudo o que o guardião queria. Educação e paciência em primeiro lugar antes do combate. Isso era essencial para que Aris atravessasse as casas sem muitas batalhas sangrentas. O ruivo fez desaparecer o corpo do campista morto num farol de luz intensa. Talvez aquele homem fosse o mais poderoso do labirinto, talvez fosse o mais fraco, e somente o garoto bonito saberia. O homem chamou o menino para perto e lhe tocou os ombros - Você tem um bom coração jovem, não deixe que o labirinto lhe consuma. Mantenha a calma e atravesse esse lugar somando suas forças a outros campistas - disse e lhe deu um mapa e um pedaço de ambrosia para sua jornada - Boa sorte Aris -  disse por fim, deixando o garoto livre para passar e explorar o famoso labirinto de perguntas.

Lá dentro, Aris olha o tanto de caminhos que há para se escolher e fica enebriado com tantas opções. O garoto de Afrodite não era tão inteligente quanto seu falecido irmão, mas sua bondade escondida dentro de seu corpo pecaminoso, bastaria para lidar com as adversidades do labirinto. Os caminhos eram confusos e mesmo com o mapa, o garoto se perdera nas primeiras curvas. O menino bonito estava perdido nos muros da cabeça de Athena e se ele não pensasse direito, ficaria perdido por toda sua vida.  

------------------------------ MAPA ATUALIZADO ------------------------------
MAPA
------------------------------ JOGO ------------------------------
PARA TODOS: Recolher os pedaços de espelho
Frida - 3
Cain - 1
------------------------------ DANOS ------------------------------
FRIDA  140/140 HP  105/140 MP 
CAIN   30/100 HP   80/100 MP - Desmaiado até que poste
GABRIEL    150/150 HP 125/150 MP
TOM    60/110 HP 110/110 MP - Desmaiado até que poste
ETÓN    130/130 HP 130/130 MP
ARIS    100/100 HP 100/100 MP - Perdido até que poste

------------------------------ OPONENTE ------------------------------
CLOUD 990/1000 HP 3700/4000 MP - Frida, Cain, Gabriel e Tom

------------------------------ RECOMPENSA ------------------------------
FRIDA {Ambrosia que restaura HP/MP por completo + Mapa + Pulseira de Vidro}
CAIN {Ambrosia que restaura HP/MP por completo + Mapa + Sagitta}
GABRIEL {Ambrosia que restaura HP/MP por completo + Mapa)
TOM {Soul Edge}
ARIS {Ambrosia que restaura HP/MP por completo + Mapa)



^^:

Ps1: qualquer dúvida, me mande uma MP
Ps2: Faça uma boa narração. sem erros abruptos, se teu texto for mal escrito e cheio de heroísmo, será penalizado. Não me dê motivo para MATA-LO
[/center]


★ Call me Hypnos, the Sleeper and Dreams's Keeper ★
Sleep is always a dream, don't you think?

credits @
avatar
Hipnos
Deuses Menores
Deuses Menores

Mensagens : 858
Pontos : 1103
Data de inscrição : 23/01/2012
Localização : Rio Lethe

Ficha do personagem
HP:
999999/999999  (999999/999999)
MP:
999999/999999  (999999/999999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário http://lrfl.deviantart.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LABIRINTO DE PERGUNTAS II

Mensagem  Etón Clesse em Seg Jan 13, 2014 10:30 pm

Headstrong to take on anyone ❝ lari ❞
G
allantmon, essa foi a imagem que veio a minha cabeça ao ver a figura de animes que o garoto louco havia se tornado, meu coração palpitou rapidamente ao ver o cavalo se tornando um grande garanhão de combate, totalmente armado. A lança e o escudo do homem agora o faziam aparecer ainda mais perigoso, sua personalidade e quem ele era já não importavam para mim. Seus golpes viriam a meu encontro em poucos segundos.
- Que comece esta rixa medieval, meu caro. Só tome cuidado onde pisa. - falei com um sorriso por baixo de meu elmo da armadura. Estava completamente armado, meu elmo baixado cobrindo todo o percurso de minha cabeça deixando apenas uma abertura para os olhos e pequenas frestas na boca para facilitar a respiração.
Com meu braço direito eu saquei a lança de minhas costas enquanto guardava a foice, não seria digno lutar com armas diferentes ali, pelo menos não no começo, em caso de perigo extremo eu teria de trocar. Empunhei minha lança no lado direito de meu corpo, segurando a mesma em seu cabo refinado. Recuei rapidamente enquanto o cavalo vinha em minha direção. Tentei me colocar o mais perto das paredes, para que o cavalo não pudesse chegar tão perto caso contrario iria bater de cara na parede. Assim que o mesmo se aproximasse eu daria um sprint para frente, e então faria uma finta para o lado contrario da lança do homem em cima dele, tentando sair do raio de ação de sua lança, mas ficando em uma distancia onde minha lança que agora, após ser girada em meus punhos, ficava na altura de meu quadril e na direção de meu braço que apontava para o cavalo. Usaria o apoio de meu quadril para fazer um corte mais profundo utilizando a força dos braços e da rotação de meu quadril.
Assim que terminasse o golpe eu me afastaria o mais rápido possível dele e então observaria sua situação, e logo após o chão por onde ele havia avançado até mim, queria observar se trincava o chão cada vez mais.

Etón Clesse

Arsenal:

♧ Λέων [É uma lança feita de um material especial denominado 'Panico Estígio', que além de possuir as propriedades naturais do Ferro Estígio também emite ondas de pânico ao ferir alguém. O cabo da lança é feito de ébano e a lâmina, na cor vermelho sangue, possui a gravura de um Leão rugindo.] [By Deimos]

♧ Λεωνίδας [É um apito feito de Bronze Celestial que tem como a unica função chamar um dos Leões de Deimos para virem ao auxilio do Semideus. Esse leão só vai ouvir o filho do deus do pânico e vai obedecer fielmente suas ordens. A vida do animal equivale a metade da do invocador. Uma vez por missão.] [By Deimos]

Capa Negra: Uma capa desfiada que cobre completamente o corpo do ceifador, escondendo sua identidade e tem a resistência de uma armadura. Protege em 15% dos ataques desferidos, não é possível outra pessoa retira-la apenas o ceifador pode.

Foice: Foice afiadíssima, tem o tamanho do ceifador, sua lâmina tem um metro de comprimento.

(Estou usando)
I ♥ Boobs: Uma camisa branca escrito "I ♥ Boobs" em preto, menos o coração que é vermelho. (By: Jon D. Gilmour)"
♣ Armadura da Morte: Um bracelete negro preso ao pulso do Ceifador, feito plenamente de um metal negro, com o pensamento do semideus ela se torna uma armadura completa. Feita de Ouro Celestial tingida da cor preta e com pequenos detalhes roxo em seu peitoral que formavam o simbolo de Deimos, um leão rugindo. A armadura protegia o corpo inteiro, deixando apenas pequeno lugares livres que eram locais que poderiam atrapalhar a movimentação de seus membros. (Armadura é o simbolo da união de um semideus filho de Deimos e Ceifador de Tânato.)



ETÓN CLESSE | SON OF DEIMOS | GRIM REAPER OF TÁNATO |LEADER; CHALÉ XIV | PUPIL OF ALBA | FANTASMA ♥️ / ©️ CG
avatar
Etón Clesse
Filhos de Deimos
Filhos de Deimos

Mensagens : 45
Pontos : 47
Data de inscrição : 12/09/2013
Idade : 20
Localização : Acampento Meio-Sangue

Ficha do personagem
HP:
140/150  (140/150)
MP:
140/150  (140/150)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

A Resposta

Mensagem  Gabriel Lebber Daniel em Sex Jan 17, 2014 12:30 am

Eu esperei... e esperei, não aguentava mais aquele maldito silencio que aquela sala fazia. A charada de Cloud realmente era muito difícil, com varias respostas, eu estava contando com Frida para resolver a pergunta, mas a garota parecia mais perdida do que eu para a minha surpresa. O gele em minhas pernas estava começando a incomodar, eu me sentia preso dentro do jogo da forca, onde que por Coincidência eu era o ''homem palito'' eu pensei varias vezes na charada em minha mente, falei ela em voz alta algumas vezes mas nada adiantava.

O frio ali era tao intenso, que por incrível que pareça eu estava com saudades do clima do acampamento, aquele sol sembre brilhando, o céu azul, e essas coisas. Foi ai que me veio a ideia na cabeça, eu já tinha possível ideia da resposta da charada.

Então, respirei fundo e comecei a falar - bom... acho que já sei a resposta, os quatros filhos seriam as estações, já que são totalmente diferentes, a primavera, verão, outono e inverno e juntos eles se formam um só ''as estações'' e a mãe é a mãe natureza. - Respirei fundo, e voltei a falar - Ou pode ser essa resposta também, os filhos são as 4 estações, e juntos eles se formam um só a NATUREZA, com o passar do tempo ela dá a vida e pode a tirar da mesma forma, e a mãe seria a terra. - Minha resposta era totalmente ridícula, mas o que eu podia fazer, ficar ali esperando até Frida pensar em algo ? Não, eu fui obrigado a tomar uma iniciativa, mesmo ela sendo totalmente estupida. Agora era só esperar pela a resposta.
avatar
Gabriel Lebber Daniel
Filhos de Ares
Filhos de Ares

Mensagens : 124
Pontos : 130
Data de inscrição : 09/09/2013
Idade : 20
Localização : submundo...

Ficha do personagem
HP:
340/340  (340/340)
MP:
340/340  (340/340)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LABIRINTO DE PERGUNTAS II

Mensagem  Hipnos em Sex Jan 17, 2014 2:31 am

Labirinto de Perguntas
parte II

FRIDA, CAIN, TOM e GABRIEL 
Cloud arqueou uma de suas sobrancelhas e caminhou a passos curtos até o garoto de Ares. O frio era tanto que as articulações do jovem doíam para obterem uma resposta rápida do cérebro, o que não aconteceu, deixando o mesmo paralisado. O homem de echarpe axul tocou o peito do garoto e Gabriel pode sentir seu corpo congelando de dentro para fora (só a sensação, não de fato estava acontecendo). Frida estava de boca aberta, pois o garoto sem muita inteligencia havia aberto a boca para responder o enigma do guardião - Vejo que tem um cérebro pensante moleque - disse azedo - Mas você deve escolher só uma resposta das que me oferecera, caso contrário... - o gelo que dantes congelava os tornozelos dos campistas, subiram congelando suas panturrilhas, até envolverem em gelo um pouco acima de seus joelhos. Seus músculos queimavam - Vocês vão congelar até a morte! - terminou a fala e se afastou como um sopro.

ETÓN
O filho de Deimos estava preparado para o que quer que fosse acontecer. O cavaleiro de armadura cintilante estava quase bem diante de seus olhos e o menino recuava para trás. Seu plano era ficar o mais próximo da parede antes de qualquer outra coisa. Para Etón, o cavaleiro teria que reduzir a velocidade. Entretanto, o corpo do garoto-deus pesou-se, deixando sua armadura ainda mais aderida ao corpo. Seus pés se arrastavam para poder se mexer, e o mesmo não conseguiu sair do local. Medo? Etón não sentia isso, muito menos pânico ou o que quer que seja. Ele estava aflito e ansioso pelo que viria.

Num piscar de olhos, o garoto escuta o tic tac idiota do relógio e tudo parece ficar em câmera lenta. Os passos do cavalo em pleno trote pareciam se alongar por um tempo infinito antes que tocassem o chão. De repente tudo se acelerou e em questão de segundos, o garoto ceifador estava cravado na parede. A ponta da lança alva do guardião de gêmeos havia penetrado poucos centímetros na armadura de Etón, o suficiente para arranhar a carne do garoto. O corpo dele estava estendido na parede atrás de si, fazendo uma imensa rachadura por todos os lados. Ele estava praticamente a uns cinco centímetros de profundidade nas paredes do templo de gêmeos. O filho de Deimos ainda sentia muito peso e seus pulmões falhavam em respirar por causa das toneladas que pressionavam seu interior - São muitos altos e baixos! - disse o homem louco de armadura branca, retirando a ponta da lança de dentro do garoto, fazendo-o desabar ali no chão de vidro.

No teto do templo, as nuvens corriam e o Sol brilhava forte. Parecia que já era meio dia, talvez um tanto mais cedo, umas 10h ou algo parecido. O cavalo branco andava elegante e por incrível que pareça, o homem girava a enorme lança medieval com uma facilidade enorme. O escudo era extenso e Etón não sabia como ele conseguia se mover tão rápido com aquela armadura. O equipamento era lindo de se ver e tão divino que o negro da armadura do garoto destoava do restante do salão - Levanta! - ordenou o homem com voz imperativa.

ARIS - Perdido até que poste
O jovem de Afrodite sabia muito bem como usar as palavras e conversar. Era tudo o que o guardião queria. Educação e paciência em primeiro lugar antes do combate. Isso era essencial para que Aris atravessasse as casas sem muitas batalhas sangrentas. O ruivo fez desaparecer o corpo do campista morto num farol de luz intensa. Talvez aquele homem fosse o mais poderoso do labirinto, talvez fosse o mais fraco, e somente o garoto bonito saberia. O homem chamou o menino para perto e lhe tocou os ombros - Você tem um bom coração jovem, não deixe que o labirinto lhe consuma. Mantenha a calma e atravesse esse lugar somando suas forças a outros campistas - disse e lhe deu um mapa e um pedaço de ambrosia para sua jornada - Boa sorte Aris -  disse por fim, deixando o garoto livre para passar e explorar o famoso labirinto de perguntas.

Lá dentro, Aris olha o tanto de caminhos que há para se escolher e fica enebriado com tantas opções. O garoto de Afrodite não era tão inteligente quanto seu falecido irmão, mas sua bondade escondida dentro de seu corpo pecaminoso, bastaria para lidar com as adversidades do labirinto. Os caminhos eram confusos e mesmo com o mapa, o garoto se perdera nas primeiras curvas. O menino bonito estava perdido nos muros da cabeça de Athena e se ele não pensasse direito, ficaria perdido por toda sua vida.  

------------------------------ MAPA ATUALIZADO ------------------------------
MAPA
------------------------------ JOGO ------------------------------
PARA TODOS: Recolher os pedaços de espelho
Frida - 3
Cain - 1
------------------------------ DANOS ------------------------------
FRIDA  140/140 HP  105/140 MP 
CAIN   30/100 HP   80/100 MP - Desmaiado até que poste
GABRIEL    150/150 HP 125/150 MP
TOM    60/110 HP 110/110 MP - Desmaiado até que poste
ETÓN    130/130 HP 130/130 MP
ARIS    100/100 HP 100/100 MP - Perdido até que poste

------------------------------ OPONENTE ------------------------------
CLOUD   990/1000 HP 3700/4000 MP - Frida, Cain, Gabriel e Tom

------------------------------ RECOMPENSA ------------------------------
FRIDA {Ambrosia que restaura HP/MP por completo + Mapa + Pulseira de Vidro}
CAIN {Ambrosia que restaura HP/MP por completo + Mapa + Sagitta}
GABRIEL {Ambrosia que restaura HP/MP por completo + Mapa)
TOM {Soul Edge}
ARIS {Ambrosia que restaura HP/MP por completo + Mapa)



^^:

Ps1: qualquer dúvida, me mande uma MP
Ps2: Faça uma boa narração. sem erros abruptos, se teu texto for mal escrito e cheio de heroísmo, será penalizado. Não me dê motivo para MATA-LO


★ Call me Hypnos, the Sleeper and Dreams's Keeper ★
Sleep is always a dream, don't you think?

credits @
avatar
Hipnos
Deuses Menores
Deuses Menores

Mensagens : 858
Pontos : 1103
Data de inscrição : 23/01/2012
Localização : Rio Lethe

Ficha do personagem
HP:
999999/999999  (999999/999999)
MP:
999999/999999  (999999/999999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário http://lrfl.deviantart.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LABIRINTO DE PERGUNTAS II

Mensagem  Frida Forestiere em Sex Jan 17, 2014 7:19 pm

Sem que eu pudesse ter tempo de responder, Gabriel começou a falar. Cloud parecia muito interessado, talvez uma das resposta do garoto estava certa, já que o mesmo queria apenas uma. Minhas pernas estavam congelando e o frio era cada vez mais intenso. Se vamos morrer do mesmo jeito, não custa nada arriscar mais um pouco, talvez eu erre no meio do caminho, mas talvez eu acerte a resposta final. Minhas pernas queimavam, isso era o efeito do gelo e se não conseguíssemos nos livrar dessa charada logo, nossos miolos congelarão.

Fitei os olhos de Cloud e disse com a voz um pouco lenta.- Estive pensando aqui enquanto minhas pernas congelavam..-Soltei um sorriso amarelo.- Bom, os quatros elementos são: Terra, Água, Ar e Fogo. Que nas estações são respectivamente: Outono, Inverno, Primavera e Verão. Como sabemos e estudamos a mãe de todos esses elementos é a Natureza.- Arrisquei quase todas as minhas fichas, mas posso dizer que a maioria. Se eu estava certa ou não, pouco me importava na verdade, estava ali para errar e acertar. Seja o que os deuses quiserem. Respirei fundo e esperei alguma ação do senhor do gelo.



Frida Forestiere
Desejo a todas inimigas vida longa

thank you, thay.
avatar
Frida Forestiere
Filhos de Deméter
Filhos de Deméter

Mensagens : 414
Pontos : 413
Data de inscrição : 13/01/2012
Idade : 24

Ficha do personagem
HP:
140/140  (140/140)
MP:
140/140  (140/140)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LABIRINTO DE PERGUNTAS II

Mensagem  Gabriel Lebber Daniel em Sex Jan 17, 2014 7:50 pm

Idiota, idiota, era só uma resposta e nao duas.eu tinha que decidir qual era a resposta certa, nao aguentava mais aquele frio, aquele gelo me correndo. eu tinha muita duvida entre qual das duas era a correta. A atenção do homem tinha toda se virada a mim, ele tocou sua mão fria em meu peito, isso nao era algo muito agradavel de se sentir. Parecia que ele estava congelando meu corpo por dentro, algo realmente muito agoniante. mas eu tinha que me concentrar.

Quando eu ia dar a resposta Frida começou a falar, ela deu a minha primeira resposta mas algo me dizia que essa não era o correta. Logo após que Frida terminou de falar, eu falei em um tom alto e com firmeza Não, não é essa a correta, a correta seria ''que os filhos são as estações e juntos formam a natureza, e a mãe é a terra... - disse isso, meu corpo estava começando a tremer, não só por causa do frio, mas sim pelo nervosismo. Só os deuses poderiam saber o que iria acontecer com a gente se a minha resposta estivesse errada. aguardei a resposta de Cloud...
avatar
Gabriel Lebber Daniel
Filhos de Ares
Filhos de Ares

Mensagens : 124
Pontos : 130
Data de inscrição : 09/09/2013
Idade : 20
Localização : submundo...

Ficha do personagem
HP:
340/340  (340/340)
MP:
340/340  (340/340)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LABIRINTO DE PERGUNTAS II

Mensagem  Aris Aphro Gaal em Sab Jan 18, 2014 2:58 pm




Labyrinth Of Questions


Comecei a correr feito um louco pelo labirinto, fui burro , mesmo com o mapa acabei me perdendo. Sentei em algum lugar comecei a estudar o mapa, bom, algumas entradas, se eu for por aqui vou dar ali, e se eu pegar a esquerda eu vou dar de cara com uma parede. Até que eu por onde eu poderia ir, não tinha como marcar, mais conseguir fazer umas marquinhas com as unhas. e daí fui.
Eu tinha quer ir para a casa de Touro, essa é a ordem do horoscopo, certo ?
Cheguei em uma porta que tinha um circulo com dois chifres em cima, o simbolo de touro. Eu havia chegado, mais não sabia o que ia fazer, eu coloquei minha mão sobre a pedra e entrei na segunda casa.



Arsenal:

❥ DIAMOND SKIN [Uma espécie de body-shape que se ajusta do pescoço, aos pulsos e tornozelos, feita de pequenos fragmentos de diamante. É imune a golpes de espadas, tiros de flechas e magias, porem, quando os golpes forem do elemento fogo, a defesa perde seu efeito e o usuário tem chances de sofrer danos por queimaduras.]{by Afrodite}

❥ SOUL-EDGE [Uma espada segmentada que funciona como um chicote dentado de lâminas afiadas ou mesmo uma espada longa. A lâmina é prateada e sua empunhadura é feita de ouro branco com um rubi cravejado entre a lâmina e o punhal, num formato de coração. Se o inimigo for masculino, o golpe da espada-segmentada tem o dano dobrado]

₰ Roma: uma pulseira de metal com um desenho de uma rosa, ao redor da pulseira está escrito “para meu eterno amor” em prata. {presente de aniversario de Leon Bezarius }

❥  Adaga de bronze [incial] (Escondida na camisa)

Poderes usados:

♥♥♥


avatar
Aris Aphro Gaal

Mensagens : 30
Pontos : 30
Data de inscrição : 28/01/2013
Idade : 26
Localização : Acampamento Meio-Sangue no Chalé X /10

Ficha do personagem
HP:
100/100  (100/100)
MP:
100/100  (100/100)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LABIRINTO DE PERGUNTAS II

Mensagem  Hipnos em Dom Jan 19, 2014 9:08 am

Labirinto de Perguntas
parte II

FRIDA, CAIN, TOM e GABRIEL
Frida tentara ajudar Gabriel, mas o mesmo, turrão como qualquer filho de Ares, não permite que ela se interfira em algo que ele possa ser vencedor. O gelo que dantes congelava as pernas dos campistas, inclusive os dois desmaiados, agora chegava até a cintura dos meninos. A barriga deles se arrepiou e seus estômagos se reviravam em seus abdomens. O vento frio era tão penetrante que eles sentiam a espinha gelar. Cloud abriu um sorriso mortalmente frio e seus olhos de café quase destruíram a alma do ceifador numa única mirada – Não me enrole garoto... Diga uma resposta e não uma sentença de baboseiras! – exclamou enquanto agarrava o queixo do menino-deus-da-guerra. Os dedos do homem de echarpe eram tão frios que o rosto de Lebber avermelhou-se por causa disso. A caçadora, que estava a poucos metros do mesmo, sentia muito frio. Talvez esse fosse o inverno mais rigoroso que ela tenha sentido. Será que que Gabriel aceitará ajuda dessa vez? Será que Frida convencerá seu companheiro a aceitar ajuda? Com o que será que Cain sonhava? E será que Tom um dia acordará de seu desmaio? Porventura Cloud, o guardião de Aquário terá misericórdia, ou brincará com os campistas até que virem estátuas de seu templo? Essas e outras questões só serão resolvidas no tecer do tear das parcas.

ETÓN
O filho de Deimos sentia o corpo pesado e apesar do cavaleiro do dia ordenar que levantasse, o menino sentia o peso da gravidade lhe açoitar, fazendo seu corpo humano se fixar no vidro. O ponteiro do relógio passava bem diante de seus olhos, dragando seu tempo precioso. O cavalo trotava para longe, e dessa vez parecia inquieto, pois o homem que lhe montava estava louco por mais do combate que se iniciara.  Etón fechou os olhos gradativamente, sentindo seu corpo sumir de seu controle nervoso. Aos poucos sua mente foi conduzida para o mundo dos sonhos, e lá, ele encontrara o anjo que lhe falou mais cedo. Ele estava sentado num trono de ouro com o rosto sonolento, como se estivesse dormindo a muito tempo. Em cada lado de onde o homem de asas descansava, havia um arco: um de mármore alvo e outro de ônix negro. Morcegos ou vultos rodeavam o homem e eventualmente sumiam ao escolherem um dos dois arcos.

ARIS
Aris encontrara o rumo por qual seguir, mas chegando onde seus pés e coração o guiavam, notou um rastro de destruição descomunal. Era como se o local fosse invadido e saqueado de uma vez só. A porta do templo de Touro estava arrombada por algo que fumegou/derreteu a mesma. Espiando lá dentro, era como se tudo fosse feito de máquinas, pedaços de metal, cabos grossos e fios de USB. Haviam colunas de aço, bronze e Ferro, assim como androides, robôs, próteses e outros equipamentos eletrônicos cravados nas paredes. O chão, antes liso, estava amassado e ensanguentado. No meio do salão um robô enorme caído sem um dos chifres, faiscando e do outro lado, debaixo de um soterramento de máquinas, uma poça de sangue no formato humano. Havia destruição e horror ali... E Aris nada poderia fazer ali. Quem quer que fosse que cruzou a casa de touro, foi bem sucedido ou acabou morrendo ali.  

------------------------------ MAPA ATUALIZADO ------------------------------
MAPA
------------------------------ JOGO ------------------------------
PARA TODOS: Recolher os pedaços de espelho
Frida - 3
Cain - 1
------------------------------ DANOS ------------------------------
FRIDA  140/140 HP  105/140 MP
CAIN   30/100 HP   80/100 MP - Desmaiado até que poste
GABRIEL    150/150 HP 125/150 MP
TOM    60/110 HP 110/110 MP - Desmaiado até que poste
ETÓN    110//130 HP 130/130 MP - Desmaiado até que poste
ARIS    100/100 HP 100/100 MP

------------------------------ OPONENTE ------------------------------
CLOUD   990/1000 HP 3700/4000 MP - Frida, Cain, Gabriel e Tom

------------------------------ RECOMPENSA ------------------------------
FRIDA {Ambrosia que restaura HP/MP por completo + Mapa + Pulseira de Vidro}
CAIN {Ambrosia que restaura HP/MP por completo + Mapa + Sagitta}
GABRIEL {Ambrosia que restaura HP/MP por completo + Mapa)
TOM {Soul Edge}
ARIS {Ambrosia que restaura HP/MP por completo + Mapa)



^^:

Ps1: qualquer dúvida, me mande uma MP
Ps2: Faça uma boa narração. sem erros abruptos, se teu texto for mal escrito e cheio de heroísmo, será penalizado. Não me dê motivo para MATA-LO


★ Call me Hypnos, the Sleeper and Dreams's Keeper ★
Sleep is always a dream, don't you think?

credits @
avatar
Hipnos
Deuses Menores
Deuses Menores

Mensagens : 858
Pontos : 1103
Data de inscrição : 23/01/2012
Localização : Rio Lethe

Ficha do personagem
HP:
999999/999999  (999999/999999)
MP:
999999/999999  (999999/999999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário http://lrfl.deviantart.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LABIRINTO DE PERGUNTAS II

Mensagem  Frida Forestiere em Dom Jan 19, 2014 4:02 pm

-Dieux!-Foi o que disse ao sentir minha cintura congelar. Cloud não estava para brincadeira e nem nós, pelo menos eu não estava. Se o esperto do filho de Ares quer morrer, que morra sozinho, não vou participar dessa grande porcaria que está acontecendo aqui. Ele gostando ou não terá que aceitar minha opinião e falar logo a resposta. Será que é tão difícil assim falar uma palavra? Imagino respondendo as provas, uma enrolação total. E só de pensar me da sono. O homem se aproximou do garoto e o frio ficava mais intenso. Meu corpo de repente ficou tremulo e meus pelos eriçados. Engoli seco e respirei fundo. -Gabriel, diga logo a resposta correta! - Falei com certa dificuldade e olhei para Cloud. - É tão difícil assim ser direto ao ponto?-Tentei sair do lugar, mas lembrei que estava congelada no chão.- Não é apenas sua vida que está em jogo, a minha também e desses outros dois campistas! Por acaso seu cérebro congelou ou o que?- Respirei fundo e observei Cain e Tom caídos no gelo. -Senhor, sei que pode ignorar minha resposta, mas por favor, considere o que disse minutos atrás. Porque parece que meu companheiro congelou por completo.- Suspirei.

Estava ficando irritada, tudo aquilo me dava uma certa raiva. Acho que se pudesse enfiaria uma flecha na cabeça de Gabriel. É realmente uma pena eu ter perdido uma mão na casa de Touro. Uma grande pena. Já tive que mudar muitas coisas por causa de certas pessoas, mas não iria morrer agora por causa dele.


Última edição por Frida Forestiere em Qui Jan 23, 2014 10:58 am, editado 1 vez(es)



Frida Forestiere
Desejo a todas inimigas vida longa

thank you, thay.
avatar
Frida Forestiere
Filhos de Deméter
Filhos de Deméter

Mensagens : 414
Pontos : 413
Data de inscrição : 13/01/2012
Idade : 24

Ficha do personagem
HP:
140/140  (140/140)
MP:
140/140  (140/140)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LABIRINTO DE PERGUNTAS II

Mensagem  Etón Clesse em Dom Jan 19, 2014 11:21 pm

Headstrong to take on anyone ❝ lari ❞
O
peso me fez delirar, imaginei um anjo sentado em um trono com dezenas de morcegos ao seu lado. Me levantei com o máximo de força que pude mas parecia tudo estar leve, e então percebi que era um sonho... o garanhão branco havia sumido, juntamente do "duque". Me levantei e observei dos grandes arcos que estavam ao seu lado, um deles era de um material negro e o outro era branco.
- E então, senhor. Alguma dica, de como sair vivo do Labirinto, ou de pelo menos deste santuário?. - perguntei para o anjo-deus com uma voz respeitosa, mas cansada. - Aceitaria de bom grado algum tipo de ajuda para que pudesse salvar Cain deste maldito lugar.
Esperei a resposta dele e me aproximei do arco negro com uma devida cautela.
- O que estes arcos representam?. - perguntei com uma voz firme. Não podia deixar a duvida bater na minha cabeça.

Etón Clesse

Arsenal:

♧ Λέων [É uma lança feita de um material especial denominado 'Panico Estígio', que além de possuir as propriedades naturais do Ferro Estígio também emite ondas de pânico ao ferir alguém. O cabo da lança é feito de ébano e a lâmina, na cor vermelho sangue, possui a gravura de um Leão rugindo.] [By Deimos]

♧ Λεωνίδας [É um apito feito de Bronze Celestial que tem como a unica função chamar um dos Leões de Deimos para virem ao auxilio do Semideus. Esse leão só vai ouvir o filho do deus do pânico e vai obedecer fielmente suas ordens. A vida do animal equivale a metade da do invocador. Uma vez por missão.] [By Deimos]

Capa Negra: Uma capa desfiada que cobre completamente o corpo do ceifador, escondendo sua identidade e tem a resistência de uma armadura. Protege em 15% dos ataques desferidos, não é possível outra pessoa retira-la apenas o ceifador pode.

Foice: Foice afiadíssima, tem o tamanho do ceifador, sua lâmina tem um metro de comprimento.

(Estou usando)
I ♥ Boobs: Uma camisa branca escrito "I ♥ Boobs" em preto, menos o coração que é vermelho. (By: Jon D. Gilmour)"

♣ Armadura da Morte: Um bracelete negro preso ao pulso do Ceifador, feito plenamente de um metal negro, com o pensamento do semideus ela se torna uma armadura completa. Feita de Ouro Celestial tingida da cor preta e com pequenos detalhes roxo em seu peitoral que formavam o simbolo de Deimos, um leão rugindo. A armadura protegia o corpo inteiro, deixando apenas pequeno lugares livres que eram locais que poderiam atrapalhar a movimentação de seus membros. (Armadura é o simbolo da união de um semideus filho de Deimos e Ceifador de Tânato.)



ETÓN CLESSE | SON OF DEIMOS | GRIM REAPER OF TÁNATO |LEADER; CHALÉ XIV | PUPIL OF ALBA | FANTASMA ♥️ / ©️ CG
avatar
Etón Clesse
Filhos de Deimos
Filhos de Deimos

Mensagens : 45
Pontos : 47
Data de inscrição : 12/09/2013
Idade : 20
Localização : Acampento Meio-Sangue

Ficha do personagem
HP:
140/150  (140/150)
MP:
140/150  (140/150)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LABIRINTO DE PERGUNTAS II

Mensagem  Hipnos em Qui Jan 23, 2014 12:28 pm

Labirinto de Perguntas
parte II

FRIDA, CAIN, TOM e GABRIEL
Gabriel parecia aflito por não saber dar uma resposta eficientemente boa para o guardião de Aquário. Frida tomou a frente e solicitou que o homem de gelo lhe desse ouvidos, o mesmo olhou-a de relance e voltou a mirar os olhos do garoto de Ares - Errado - disse num rosnado seco. O gelo elevou-se,  congelando o peito dos campistas e parte dos braços dos mesmo. Era tão frio que o coração dos nossos semideuses batia devagar e seus pulmões sentiam dificuldade de respirar. Doía puxar o ar e deixa-lo lá dentro. Eles mal sentiam os pés e suas penas já adormeciam. Estava ficando difícil sobreviver ali. Cain e Tom logo mais morreriam pela hipotermia que sentiam. O rosto calmo do homem de cachecol azul estava mortal e sua língua lambia seus lábios frios. Ele estendeu a mão direita, mostrando o dedo indicador. Frida e Gabriel se olharam e entenderam que só havia mais uma chance antes de finalmente virarem estátuas de gelo eternas no salão de aquário.

ETÓN
O homem de asa nada dizia, apenas bocejava e guiava os morcegos entre um e outro portal ao lado de seu trono de ouro. Suas asas eram grandes e bem brancas e seus olhos mudavam do azul ao dourado dependendo de como brilhava a luz do local. Quando o anjo se deu conta de que Etón estava ali, abriu um sorriso e morceguinhos voaram felizes ao redor do garoto meio-sangue - Bem vindo a sala dos sonhos Etón, são poucos que sonham com esse meu santuário de trabalho - falou num tom agradável e sonolento. O loiro entoou algo melodiosamente triste de sua flauta de ouro e olhou-o nos olhos de forma pacífica e encorajadora. Uma pluma ou outra voou do bater de asas do deus angelical, dando paz ao coração aflito do garoto de Deimos.

O salão dos sonhos era escuro e somente o homem de asas brilhava no meio daquelas trevas. Num acorde triste o anjo para de tocar e faz sina com o dedo para que o menino se aproxime - Não posso lhe dar dicas, mas posso lhe dar sonhos proféticos que podem ou não te ajudar no templo de gêmeos... - comentou abrindo um sorriso bobo. Enquanto falava, um ou outro morcego sumia ao escolher um dos arcos do local - Aqueles dois são muito diferentes apesar de serem iguais fisicamente - comentou e ficou pensativo por um longo tempo.

Etón estava ansioso para voltar ao mundo real e acabar com o cavaleiro de armadura reluzente, mas ainda não estava confiante a respeito da vitória. O deus loiro cambaleou a cabeça e olhou curioso para o menino-deus. Seus olhos mostravam compaixão e serenidade - Sabe Etón, eu sou um ótimo pai. Tenho 1000 filhos imortais e alguns garotos no acampamento... Sei bem como se sente e sei de suas questões... Eu posso lhe garantir que sairá vivo da casa de Gêmeos, mas não te garanto que sairá vivo do labirinto... - falou o homem de asas voando até o garoto para lhe bagunçar os cabelos - Sobre os arcos, são eles que determinam os sonhos dos mortais e imortais. O negro, dita os sonhos sem sentido algum, loucos e lembranças e Branco, são os sonhos reveladores e proféticos. Meus fillhos... - disse apontando para os morcegos - decidem se devem ou não mostrar o futuro para os seres que respiram em sonhos iluminados pelos desejos dos deuses e hoje, você pode dizer se quer voltar para a realidade - falou apontando o portão negro - ou se deseja sonhar - terminou mostrando o portão alvo.

O tempo parecia ter parado para Etón, mas no fundo ele sabia que o relógio de Gêmeos não espera ninguém. Os morcegos pararam de voar, decidindo seus caminhos, mas 5 deles ficaram ali e se transformaram em sua forma humana. Homens de cabelos negros, olhos dourados e asas escuras como a sombra da noite. Eles eram diferentes apesar de terem a mesma características. Um mais masculo, outro mais delicado, um com cabelos desgrenhados, um de capuz e outro armado com uma armadura escura.

ARIS  - Estasiado  até que poste
Aris encontrara o rumo por qual seguir, mas chegando onde seus pés e coração o guiavam, notou um rastro de destruição descomunal. Era como se o local fosse invadido e saqueado de uma vez só. A porta do templo de Touro estava arrombada por algo que fumegou/derreteu a mesma. Espiando lá dentro, era como se tudo fosse feito de máquinas, pedaços de metal, cabos grossos e fios de USB. Haviam colunas de aço, bronze e Ferro, assim como androides, robôs, próteses e outros equipamentos eletrônicos cravados nas paredes. O chão, antes liso, estava amassado e ensanguentado. No meio do salão um robô enorme caído sem um dos chifres, faiscando e do outro lado, debaixo de um soterramento de máquinas, uma poça de sangue no formato humano. Havia destruição e horror ali... E Aris nada poderia fazer ali. Quem quer que fosse que cruzou a casa de touro, foi bem sucedido ou acabou morrendo ali.  

------------------------------ MAPA ATUALIZADO ------------------------------
MAPA
------------------------------ JOGO ------------------------------
PARA TODOS: Recolher os pedaços de espelho
Frida - 3
Cain - 1
------------------------------ DANOS ------------------------------
FRIDA  140/140 HP  105/140 MP
CAIN   30/100 HP   80/100 MP - Desmaiado até que poste
GABRIEL    150/150 HP 125/150 MP
TOM    60/110 HP 110/110 MP - Desmaiado até que poste
ETÓN    110//130 HP 130/130 MP
ARIS    100/100 HP 100/100 MP
- Estasiado  até que poste

------------------------------ OPONENTE ------------------------------
CLOUD   990/1000 HP 3700/4000 MP - Frida, Cain, Gabriel e Tom

------------------------------ RECOMPENSA ------------------------------
FRIDA {Ambrosia que restaura HP/MP por completo + Mapa + Pulseira de Vidro}
CAIN {Ambrosia que restaura HP/MP por completo + Mapa + Sagitta}
GABRIEL {Ambrosia que restaura HP/MP por completo + Mapa)
TOM {Soul Edge}
ARIS {Ambrosia que restaura HP/MP por completo + Mapa)



^^:

Ps1: qualquer dúvida, me mande uma MP
Ps2: Faça uma boa narração. sem erros abruptos, se teu texto for mal escrito e cheio de heroísmo, será penalizado. Não me dê motivo para MATA-LO


★ Call me Hypnos, the Sleeper and Dreams's Keeper ★
Sleep is always a dream, don't you think?

credits @
avatar
Hipnos
Deuses Menores
Deuses Menores

Mensagens : 858
Pontos : 1103
Data de inscrição : 23/01/2012
Localização : Rio Lethe

Ficha do personagem
HP:
999999/999999  (999999/999999)
MP:
999999/999999  (999999/999999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário http://lrfl.deviantart.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LABIRINTO DE PERGUNTAS II

Mensagem  Etón Clesse em Sex Jan 24, 2014 2:22 pm

Headstrong to take on anyone ❝ lari ❞
M
orcegos eram animais lindos de se ver,  ainda mais no momento em que eles escolhiam seus caminhos, entre o arco negro que de acordo com o o anjo-deus representava os sonhos loucos das pessoas e o branco os poéticos.  Escutei as falas do anjo atentamente, assentindo com a cabeça a cada fim de frase dele. Passaram-se alguns minutos e os morcegos sumiram todos, deixando apenas cinco homens que ao que pareciam eram ser filhos do deus, mas os ignorei, em parte. Apertei o cabo da minha lança fortemente e a apontei para o arco negro.
- Este é o verdadeiro arco para nós semideuses, nossas vidas não são como um conto de fadas onde tudo ocorre como o bem entendido. Ele é o certo a se perseguir, ele e a nossa realidade. Vocês, as vezes, nos guiam por entre as escolhas corretas a se fazer, mas o nosso sentimento pode indicar ao outro lado e é isso que vou fazer. - falei com a voz firme que conseguia, demonstrando a minha decisão que não seria trocada em hipótese alguma. - Eu escolherei o arco negro independente do que venha a seguir. - falei enquanto me dirigia para o arco,  sem tirar a atenção dos cinco homens que haviam aparecido para mim.

Etón Clesse

Arsenal:

♧ Λέων [É uma lança feita de um material especial denominado 'Panico Estígio', que além de possuir as propriedades naturais do Ferro Estígio também emite ondas de pânico ao ferir alguém. O cabo da lança é feito de ébano e a lâmina, na cor vermelho sangue, possui a gravura de um Leão rugindo.] [By Deimos]

♧ Λεωνίδας [É um apito feito de Bronze Celestial que tem como a unica função chamar um dos Leões de Deimos para virem ao auxilio do Semideus. Esse leão só vai ouvir o filho do deus do pânico e vai obedecer fielmente suas ordens. A vida do animal equivale a metade da do invocador. Uma vez por missão.] [By Deimos]

Capa Negra: Uma capa desfiada que cobre completamente o corpo do ceifador, escondendo sua identidade e tem a resistência de uma armadura. Protege em 15% dos ataques desferidos, não é possível outra pessoa retira-la apenas o ceifador pode.

Foice: Foice afiadíssima, tem o tamanho do ceifador, sua lâmina tem um metro de comprimento.

(Estou usando)
I ♥ Boobs: Uma camisa branca escrito "I ♥ Boobs" em preto, menos o coração que é vermelho. (By: Jon D. Gilmour)"

♣ Armadura da Morte: Um bracelete negro preso ao pulso do Ceifador, feito plenamente de um metal negro, com o pensamento do semideus ela se torna uma armadura completa. Feita de Ouro Celestial tingida da cor preta e com pequenos detalhes roxo em seu peitoral que formavam o simbolo de Deimos, um leão rugindo. A armadura protegia o corpo inteiro, deixando apenas pequeno lugares livres que eram locais que poderiam atrapalhar a movimentação de seus membros. (Armadura é o simbolo da união de um semideus filho de Deimos e Ceifador de Tânato.)



ETÓN CLESSE | SON OF DEIMOS | GRIM REAPER OF TÁNATO |LEADER; CHALÉ XIV | PUPIL OF ALBA | FANTASMA ♥️ / ©️ CG
avatar
Etón Clesse
Filhos de Deimos
Filhos de Deimos

Mensagens : 45
Pontos : 47
Data de inscrição : 12/09/2013
Idade : 20
Localização : Acampento Meio-Sangue

Ficha do personagem
HP:
140/150  (140/150)
MP:
140/150  (140/150)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LABIRINTO DE PERGUNTAS II

Mensagem  Frida Forestiere em Sex Jan 24, 2014 6:14 pm

O fim estava próximo, e confesso que já tive essa sensação algumas vezes na minha vida. Não é uma sensação que me orgulho e que desejo a alguém. Sabe impotência? É quase isso, claro que depende da situação, mas no momento eu estava me sentindo assim. Como se eu não fosse capaz de responder essa charada, no fundo parecia que estava deixando passar algo, como se não tivesse dando atenção para alguma coisa, alguma palavra chave. Enquanto pensava eu conseguia sentir meu corpo congelando pouco a pouco, parte por parte. Meus lábios ficaram trêmulos, meu cabelo tinha uma fina camada de gelo, meus olhos começaram a ficar secos e meus lábios brancos como a neve. Em um piscar de olhos tudo veio em minha mente, era como se eu estivesse pronta para morrer. Toda minha história em apenas alguns míseros minutos. Quando abri os olhos, um suspiro tomou conta de mim. Olhei assustada para Cloud e falei com dificuldade. -São as estações. Essa é a resposta correta!- Falei como se fosse meu último minuto de vida.

Todo aquele gelo em meu corpo causava uma dor sem explicação.



Frida Forestiere
Desejo a todas inimigas vida longa

thank you, thay.
avatar
Frida Forestiere
Filhos de Deméter
Filhos de Deméter

Mensagens : 414
Pontos : 413
Data de inscrição : 13/01/2012
Idade : 24

Ficha do personagem
HP:
140/140  (140/140)
MP:
140/140  (140/140)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LABIRINTO DE PERGUNTAS II

Mensagem  Hipnos em Sex Jan 24, 2014 6:37 pm

Labirinto de Perguntas
parte II

FRIDA, CAIN, TOM e GABRIEL
Gabriel desmaiara por causa do frio. O homem ouvira a resposta e abriu um sorriso idiota no rosto. O gelo trincou, deixando três garotos caídos no chão e apenas a mulher cavaleiro erguida diante do oponente. O guardião de aquário caminhou até o centro do salão e ditou umas palavras mágicas como se fosse um ritual. O gelo quebrou-se, revelando uma armadura ondulada feita de gelo 9. O guardião vestiu-a, o deixando ainda mais elegante. O detalhe do cachecol dava o toque final e somado aos seus cabelos escuros, a armadura saltava. A cúpula pareceu ainda mais fria e no alto do dome, as luzes boreais brilhavam encantadoras - Ultimo desafio garota.... - uma lufada de gelo assolou a menina a fazendo cair de joelhos - Você te que me acertar um golpe, antes que morra - falou ácido preparando um golpe nas mãos. Era como uma bola feita de ar frio se concentrando e se expandindo cada vez mais e mais.

ETÓN
O homem de asas assentiu à escolha de Etón e sorriu passando a mão no rosto do meio-sangue. Os homens de asas negras estavam imóveis e não eram ameaçadores, quer dizer, apenas o que estava armado parecia um guerreiro difícil de combater. O portão negro brilhou em tons de anil e Hipnos, o anjo divino caminhou até o mesmo sem muita pressa - Antes de ir - começou - quero lhe dar uma das jóias oníricas - completou e os os homens de asas escuras abriram as mãos, mostrando cinco broches diferentes. O primeiro tinha um tapa-olho e um lenço nos pés e em sua mão havia um broche parecendo um pentágono de prata com uma fenda no meio dele. O segundo homem de preto, tinha umas mechas azuladas nos cabelos escuros e seu rosto era meio feminino e, em sua mão um broche em forma de losango aparentemente de ouro com a borda de ouro branco. O terceiro tinha uma aparência de moleque travesso, com uma mecha avermelhada no cabelo. Em sua mão um broche azulado parecendo um rosto triste. O quarto e o quinto pareciam ser iguais: cabelos curtos, olhos melancólicos e, comente a rapa de um mudava para com o outro. Um usava roupas de cidade e outro usava roupas do campo. O urbano tinha em mãos um broche octogonal e o rural um broche parecendo uma joaninha - Não tenha pressa Etón, escolha com sabedoria... - deu a dica.

ARIS  - Estasiado  até que poste
Aris encontrara o rumo por qual seguir, mas chegando onde seus pés e coração o guiavam, notou um rastro de destruição descomunal. Era como se o local fosse invadido e saqueado de uma vez só. A porta do templo de Touro estava arrombada por algo que fumegou/derreteu a mesma. Espiando lá dentro, era como se tudo fosse feito de máquinas, pedaços de metal, cabos grossos e fios de USB. Haviam colunas de aço, bronze e Ferro, assim como androides, robôs, próteses e outros equipamentos eletrônicos cravados nas paredes. O chão, antes liso, estava amassado e ensanguentado. No meio do salão um robô enorme caído sem um dos chifres, faiscando e do outro lado, debaixo de um soterramento de máquinas, uma poça de sangue no formato humano. Havia destruição e horror ali... E Aris nada poderia fazer ali. Quem quer que fosse que cruzou a casa de touro, foi bem sucedido ou acabou morrendo ali.  

------------------------------ MAPA ATUALIZADO ------------------------------
MAPA
------------------------------ JOGO ------------------------------
PARA TODOS: Recolher os pedaços de espelho
Frida - 3
Cain - 1
------------------------------ DANOS ------------------------------
FRIDA  140/140 HP  105/140 MP
CAIN   30/100 HP   80/100 MP - Desmaiado até que poste
GABRIEL    150/150 HP 125/150 MP - Desmaiado até que poste
TOM    60/110 HP 110/110 MP - Desmaiado até que poste
ETÓN    110//130 HP 130/130 MP
ARIS    100/100 HP 100/100 MP
- Extasiado até que poste
- Estasiado  até que poste

------------------------------ OPONENTE ------------------------------
CLOUD   990/1000 HP 3700/4000 MP - Frida, Cain, Gabriel e Tom

------------------------------ RECOMPENSA ------------------------------
FRIDA {Ambrosia que restaura HP/MP por completo + Mapa + Pulseira de Vidro}
CAIN {Ambrosia que restaura HP/MP por completo + Mapa + Sagitta}
GABRIEL {Ambrosia que restaura HP/MP por completo + Mapa)
TOM {Soul Edge}
ARIS {Ambrosia que restaura HP/MP por completo + Mapa)



^^:

Ps1: qualquer dúvida, me mande uma MP
Ps2: Faça uma boa narração. sem erros abruptos, se teu texto for mal escrito e cheio de heroísmo, será penalizado. Não me dê motivo para MATA-LO


★ Call me Hypnos, the Sleeper and Dreams's Keeper ★
Sleep is always a dream, don't you think?

credits @
avatar
Hipnos
Deuses Menores
Deuses Menores

Mensagens : 858
Pontos : 1103
Data de inscrição : 23/01/2012
Localização : Rio Lethe

Ficha do personagem
HP:
999999/999999  (999999/999999)
MP:
999999/999999  (999999/999999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário http://lrfl.deviantart.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LABIRINTO DE PERGUNTAS II

Mensagem  Frida Forestiere em Sex Jan 24, 2014 10:23 pm

Finalmente o gelo não tomava mais conta de meu corpo. Conseguia sentir minhas pernas e meus braços. Por um segundo agradeci aos deuses, mas por outro percebi que ainda não havia acabado. Fui tudo tão rápido que quando dei por mim estava ajoelhada e a única coisa que consegui escutar era "Um golpe antes que morra". Arregalei meus olhos, era um tipo de desespero, mas ao mesmo tempo eu já estava pensando em como atacar o homem. Uma bola de gelo, ou sei lá o que formava na frente de Cloud que estava com uma super armadura. Aproveitei que já estava de joelho, coloquei minha única mão no chão e me concentrei, se eu conseguisse provocar um pequeno abalo, apenas para tirar a atenção dele, já estaria de bom tamanho. Eu conseguia sentir meu corpo vibrar e isso era um bom sinal. Se isso desse certo logo em seguida lançaria tiros de semente apenas para incomodá-lo, já que a potencia não iria quebrar o gelo. Lançaria meu chicote envenenado, afim de agarrá-lo pelas pernas e derrubá-lo.

Era apenas uma tentativa e que poderia muito bem dar tudo errado e eu morrer ali mesmo.

Poderes usados:
▸ Geo-dynamica: consegue manipular a terra para dar pequenos tremores sísmicos, criando sulcos ou apenas tremedeiras no solo [gasta 20MP para um abalo leve]

▸ Tiro de semente: consegue colocar sementes na boca e dispara-las como se você fosse um revolver. quanto mais sementes você disparar mais você perderá energia [gasta 5MP por semente cuspida] [usado: 10 sementes]



Frida Forestiere
Desejo a todas inimigas vida longa

thank you, thay.
avatar
Frida Forestiere
Filhos de Deméter
Filhos de Deméter

Mensagens : 414
Pontos : 413
Data de inscrição : 13/01/2012
Idade : 24

Ficha do personagem
HP:
140/140  (140/140)
MP:
140/140  (140/140)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LABIRINTO DE PERGUNTAS II

Mensagem  Gabriel Lebber Daniel em Sab Jan 25, 2014 10:34 pm

Tudo começou a ficar escuro, minhas palbebras começaram a ficar pesadas e então... desmaiei. Em quanto eu dormia eu sonhava sobre algo muito estranho, eu estava em um lugar desconhecido totalmente branco, o chão era coberto pela neve e ao meu redor tinham paredes de vidros tão brancas quanto a neve,, a unica coisa que havia ali era um carvalho morto, já sem nenhuma folha. Eu me levante com dificuldade, assim que fiquei de pé um homem surgiu de traz do carvalho. Ele era alto, talvez entre 1,85m a 1,95m. Vestia um manto negro que o em cobria por completo. Em sua mão direita ele segurava uma foice, que arma linda, só de ver ja podia sentir o poder que ela emanava, como se pudesse ceifar qualquer alma. O cabo era feito por uma coluna, os ossos eram quase tão brancos quanto a neve que estava no chão, mas conforme ia subindo ela ia ficando mais escura, até chegar a base da lamina, que era feito por uma caveira grande e cinza, nos seus olhos estavam fincadas duas onyx, tão negras quanto a roupa do homem. E finalmente a lamina... Oh deuses, só de olhar para ela é como se uma parte de minha alma era sugada em direção á lamina. Eu sabia quem era esse cara... era a própria morte. THANATOS, uma voz áspera e horrenda saiu de todos os lados - ORE!! - Tudo começou a tremer, as paredes feitas de vidro começaram a trincar quando tudo quebrou.

Quando dei conta eu estava deitado no chão frio, Frida estava lutando sozinha contra cloud. Tom e cain ainda estavam deitados. Comecei a pensar no sonho que tivera... Sobre encontrar thanatos. Eu pensei um pouco, e ja sabia o que fazer. Fechei os olhos e comecei a rezar para o deus da morte, thanatos... - Oh lorde thanatos, a personificação da morte, ou melhor... a própria morte, senhor das almas, o deus que escolhe quem vive ou quem morre. Oh meu grande lorde. Me ajude, me de forças para chamar um espirito guerreiro que morreu vergonhosamente em uma batalha, assim eu conseguiria atacar esse DEUS. Por favor meu lorde atenda meu pedido.

Se minhas preces fossem atendidas, um guerreiro se erguera e me ajudará a atacar o homem. Em quanto frida estava o distraindo, eu mandaria o guerreiro para cima do homem. eu tentaria me locomover pelas sombras sem que Cloud me visse e assim distraído com frida e o guerreiro. eu empunharia minha foice e o atacar pelas costas, se ele se esquivasse, eu usaria o poder ''laminas das almas'' para tentar o atingir e logo depois eu arremessaria minha foice usando o poder ''╬Ciclone Negro╬'' se ele tentasse algo, algum ataque, eu me esquivaria dando cambalhotas ou me defendendo com a lamina de minha espada.
avatar
Gabriel Lebber Daniel
Filhos de Ares
Filhos de Ares

Mensagens : 124
Pontos : 130
Data de inscrição : 09/09/2013
Idade : 20
Localização : submundo...

Ficha do personagem
HP:
340/340  (340/340)
MP:
340/340  (340/340)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LABIRINTO DE PERGUNTAS II

Mensagem  Etón Clesse em Qua Jan 29, 2014 12:37 pm

Headstrong to take on anyone ❝ lari ❞
O
deus me deu a dica, de que deveria escolher com sabedoria, mas bem... eu pensei, cheguei a me aproximar de cada um dos homens e nenhum deles me deu alguma dica o que era obvio. Pensei por mais alguns minutos e nada de chegar a uma conclusão.
- Você é minha escolha cara. - falei enquanto me aproximava do garoto travesso e lhe pegava o broche da mão. E dava um sorriso de canto. Então olhei para o deus e deixei o sorriso sumir.
- Quero este. Algo mais que tenha a me falar?. - falei rispidamente para o anjo e esperei sua resposta, caso não houvesse mais nada de importante eu me armaria e iria em direção ao portal, esperando que eu voltasse para a luta.

Etón Clesse

Arsenal:

♧ Λέων [É uma lança feita de um material especial denominado 'Panico Estígio', que além de possuir as propriedades naturais do Ferro Estígio também emite ondas de pânico ao ferir alguém. O cabo da lança é feito de ébano e a lâmina, na cor vermelho sangue, possui a gravura de um Leão rugindo.] [By Deimos]

♧ Λεωνίδας [É um apito feito de Bronze Celestial que tem como a unica função chamar um dos Leões de Deimos para virem ao auxilio do Semideus. Esse leão só vai ouvir o filho do deus do pânico e vai obedecer fielmente suas ordens. A vida do animal equivale a metade da do invocador. Uma vez por missão.] [By Deimos]

Capa Negra: Uma capa desfiada que cobre completamente o corpo do ceifador, escondendo sua identidade e tem a resistência de uma armadura. Protege em 15% dos ataques desferidos, não é possível outra pessoa retira-la apenas o ceifador pode.

Foice: Foice afiadíssima, tem o tamanho do ceifador, sua lâmina tem um metro de comprimento.

(Estou usando)
I ♥ Boobs: Uma camisa branca escrito "I ♥ Boobs" em preto, menos o coração que é vermelho. (By: Jon D. Gilmour)"

♣ Armadura da Morte: Um bracelete negro preso ao pulso do Ceifador, feito plenamente de um metal negro, com o pensamento do semideus ela se torna uma armadura completa. Feita de Ouro Celestial tingida da cor preta e com pequenos detalhes roxo em seu peitoral que formavam o simbolo de Deimos, um leão rugindo. A armadura protegia o corpo inteiro, deixando apenas pequeno lugares livres que eram locais que poderiam atrapalhar a movimentação de seus membros. (Armadura é o simbolo da união de um semideus filho de Deimos e Ceifador de Tânato.)



ETÓN CLESSE | SON OF DEIMOS | GRIM REAPER OF TÁNATO |LEADER; CHALÉ XIV | PUPIL OF ALBA | FANTASMA ♥️ / ©️ CG
avatar
Etón Clesse
Filhos de Deimos
Filhos de Deimos

Mensagens : 45
Pontos : 47
Data de inscrição : 12/09/2013
Idade : 20
Localização : Acampento Meio-Sangue

Ficha do personagem
HP:
140/150  (140/150)
MP:
140/150  (140/150)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LABIRINTO DE PERGUNTAS II

Mensagem  Hipnos em Qua Jan 29, 2014 1:58 pm

Labirinto de Perguntas
parte II

FRIDA, CAIN, TOM e GABRIEL
Frida e Gabriel tinham muitos problemas de comunicação e estratégia, pois, por exemplo: A caçadora atirara sementes sem mesmo ter sementes para cuspir. A baba dela congelara no ato e, mesmo fazendo Cloud desequilibrar, a garota recebeu uma lufada de ar frio e cortante por conta dos mínimos cristais de gelo finos e afiados como navalha. O corpo da garota ficou todo cortado, assim como suas roupas tornaram-se farrapos. O ar que a arrastara para longe, foi o mesmo que a circulou num redemoinho de gelo, dobrando os danos antes recebidos, pois os cortes se tornaram mais profundos e suas roupas quase que perderam a função de cobrir algo. Era como se sua pele fosse dilacerada por giletes ou papel, por conta da ardência, porem, cada corte que recebia, ela sentia a carne queimar. O garoto por outro lado (por não ter colocado as habilidades em spoiler, pois não sou adivinho), usou de sua fé para evocar um guerreiro morto injustamente e, até que funcionou, porem o guardião já estava com sua mão transformada em espada de geo eterno, perfurando o homem morto, o congelando logo em seguida num esquife de cristal. Gabriel ficou quase que sem reação, mas foi tempo suficiente para que o chão de gelo se partisse em milhões de fragmentos e o consumisse numa chuva de navalha reversa (de baixo para cima).

Gabriel e Frida estavam caídos no pátio frio. Ambos sangrando e com ferimentos sérios. Não profundos, mas graves. Os deuses pareciam não se importar muito, mas certamente Athena estaria sentindo frio nesse instante. Cloud riu-se malignamente e arrumou os cabelos ao vento congelado - Só isso? Pensei que o acampamento treinava melhor seus heróis.... - desdenhou e logo em seguida preparou o golpe seguinte. No teto da cúpula estava cheio de estalactites pontiagudas e prontas para eliminar Frida e Gabriel, caso eles não escapem. O homem de olhos cor de café bateu palmas e as facas de gelo começaram a ruir.

ETÓN
O anjo de asas negras lhe entregou o item e abriu um sorriso besta nos lábios. O item parecia um espírito sussurrante, e vendo de perto, parecia sussurrar ou gemer como um fantasma. Etón até se arrepiou-se por um período, mas já tinha experiencia com esse tipo se sensação fantasmagórica - Cuide bem da Phantom Badge... - falou o ex-dono da joia fantasma, dando uma piscadela para o menino meio-sangue. O portal negro brilhou em tons violáceos e o corpo do menino foi dragado para a realidade. Sua mente se foi e apenas uma voz calma cantava uma canção boba em sua mente "I'm a ghost haunting these halls, Climbing up walls that I never knew were there
And I'm lost, Broken down the middle of my heart, I'm broken down the middle of my heart, You know you make me a ghost. You make me a ghost..."

A mente do garoto apagou-se, mas quando voltou a si, ele estava caído no mesmo lugar onde estava. Seu corpo doía e o relógio de vidro tiquetaqueava sem parar. A saleta estava escura, como se fosse noite. Nas paredes haviam velas acesas e no alto a lua brilhava serena e tranquila. Um homem quase nu montava um corcel negro e agitado. A temperatura havia caído um pouco, mas Etón iria sobreviver - Acho que conheceu meu irmão... - disse melancólico o jovem cavaleiro. O cavalo relinchava e o garoto levantava aos poucos. Em sua mão havia o item que recebera em sonho. Ele não sabia ao certo o que aquilo fazia, mas talvez não precisasse saber no momento.

ARIS  - Estasiado  até que poste
Aris encontrara o rumo por qual seguir, mas chegando onde seus pés e coração o guiavam, notou um rastro de destruição descomunal. Era como se o local fosse invadido e saqueado de uma vez só. A porta do templo de Touro estava arrombada por algo que fumegou/derreteu a mesma. Espiando lá dentro, era como se tudo fosse feito de máquinas, pedaços de metal, cabos grossos e fios de USB. Haviam colunas de aço, bronze e Ferro, assim como androides, robôs, próteses e outros equipamentos eletrônicos cravados nas paredes. O chão, antes liso, estava amassado e ensanguentado. No meio do salão um robô enorme caído sem um dos chifres, faiscando e do outro lado, debaixo de um soterramento de máquinas, uma poça de sangue no formato humano. Havia destruição e horror ali... E Aris nada poderia fazer ali. Quem quer que fosse que cruzou a casa de touro, foi bem sucedido ou acabou morrendo ali.  

------------------------------ MAPA ATUALIZADO ------------------------------
MAPA
------------------------------ JOGO ------------------------------
PARA TODOS: Recolher os pedaços de espelho
Frida - 3
Cain - 1
------------------------------ DANOS ------------------------------
FRIDA  100/140 HP  85/140 MP
CAIN   30/100 HP   80/100 MP - Desmaiado até que poste
GABRIEL    110/150 HP 100/150 MP
TOM    60/110 HP 110/110 MP - Desmaiado até que poste
ETÓN    110//130 HP 130/130 MP
ARIS    100/100 HP 100/100 MP
- Extasiado até que poste

------------------------------ OPONENTE ------------------------------
CLOUD   990/1000 HP 3600/4000 MP - Frida, Cain, Gabriel e Tom

------------------------------ RECOMPENSA ------------------------------
FRIDA {Ambrosia que restaura HP/MP por completo + Mapa + Pulseira de Vidro}
CAIN {Ambrosia que restaura HP/MP por completo + Mapa + Sagitta}
GABRIEL {Ambrosia que restaura HP/MP por completo + Mapa)
TOM {Soul Edge}
ARIS {Phantom Badge)
ARIS {Ambrosia que restaura HP/MP por completo + Mapa)



^^:

Ps1: qualquer dúvida, me mande uma MP
Ps2: Faça uma boa narração. sem erros abruptos, se teu texto for mal escrito e cheio de heroísmo, será penalizado. Não me dê motivo para MATA-LO


★ Call me Hypnos, the Sleeper and Dreams's Keeper ★
Sleep is always a dream, don't you think?

credits @
avatar
Hipnos
Deuses Menores
Deuses Menores

Mensagens : 858
Pontos : 1103
Data de inscrição : 23/01/2012
Localização : Rio Lethe

Ficha do personagem
HP:
999999/999999  (999999/999999)
MP:
999999/999999  (999999/999999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário http://lrfl.deviantart.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LABIRINTO DE PERGUNTAS II

Mensagem  Frida Forestiere em Qua Jan 29, 2014 10:31 pm

Minha pele queimava e meu coração também. Apesar da dor, eu sentia muita raiva daquilo tudo. Raiva de mim, raiva de Cloud, raiva dos deuses, raiva da vida. Se eu tivesse voltado para o acampamento nada disso estaria acontecendo. Eu estaria bem, sozinha, mas bem. Apesar que nessa altura do campeonato devo estar sendo julgada, porque com toda certeza do Olimpo todos já sabem da morte de Noah. Aposto que os littles de Afrodite estão revoltadíssimos e querem me matar. Pensando bem até seria uma grande aventura voltar par ao acampamento, muitas brigas, confusões, fofocas. Tudo que eu odeio, menos a parte da briga.  Se eu pudesse ao menos ver o céu. Acho que estaria mais forte, ou não. A verdade é que eu não sabia como derrotar Cloud, até tinha ideias, mas ideias tolas para um homem tão poderoso. Apesar que meu pai sempre dizia “Homens poderosos sempre tem um ponto fraco, basta achar”. Era difícil achar um ponto no homem de gelo,  minha raiva ainda não era o suficiente para derreter tudo aquilo, apesar de ter aumentando  uma parcela significante.

Respirei fundo e abri meus olhos. Estalactites caiam do teto pulei para o lado e fiz o que pude para desviar, talvez de todas,  no momento não sentia dor, então seria só mais um corte. Graças a Ártemis meus atributos eram aprimorados. Agilidade e velocidade é meu sobrenome. Com uma mão só eu precisava ser rápida e pensar rápido. Eu poderia usar o arco de Cain e lançar uma flecha em Cloud, mas até eu achar algo que formasse um gancho ou uma lança e amarrar com o pedaço de minha roupa, que estava rasgada, eu perderia tempo demais. E no momento minha única carta na manga, era a mesma que havia usado com Noah. Minha Marsh Badge. Talvez fosse ariscado usá-la novamente, talvez nem funcionasse, sei lá, era o risco que eu estava correndo. Observei Tom caído bem próximo e capturei a espada do filho de Afrodite que estava com ele. Deixei deitada sobre o meu pé direito e com a mão que restava toquei em minha correntinha. Concentrei-me e fitei profundamente os olhos do homem. -Toda essa arrogância é porque você foi rejeitado pelo papi soberano?- Disse em um tom irônico. Se algum deus ainda acreditava em nós e botava algum tipo de esperança, era a hora de nos ajudar e começar a colocar nossos planos em ação. Talvez essas foram minhas últimas palavras.

Poderes usados:

 -Atributos aprimorados: Atributos como força, agilidade e velocidade são ampliados naturalmente. Consegue correr mais rápido que um semideus comum. Sua agilidade é o ponto mais forte. Sua força é grande, mas nada tão chamativo.

Equipamento usado:
★ Marsh Badge [Um broche/insígnia num formato de Moeda feito de ouro e correntinha feita de ouro branco que permite o usuário a habilidade chamada de Psicocinese, que é a capacidade de criar ou manipulara alma de uma criatura, ou seja, sentimentos, ideais, decisões]{gasto de 20MP}

Habilidades:
✓ Imune a Dor;



Frida Forestiere
Desejo a todas inimigas vida longa

thank you, thay.
avatar
Frida Forestiere
Filhos de Deméter
Filhos de Deméter

Mensagens : 414
Pontos : 413
Data de inscrição : 13/01/2012
Idade : 24

Ficha do personagem
HP:
140/140  (140/140)
MP:
140/140  (140/140)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LABIRINTO DE PERGUNTAS II

Mensagem  Gabriel Lebber Daniel em Sex Jan 31, 2014 11:50 pm

Que ridículo, não ouve tempo de fazer nada. Quando dei por mim, já estava atirado no chão, com varíos cortes. Mas com toda a certeza isso não era o bastante pra me fazer desistir. Aproveitei o tempo que eu estava caído no chão para usar (cura sombria) para tentar me recuperar um pouco.

Eu estava ajoelhado, de uma forma que conseguisse me recuperar um pouco, minha respiração era ofegante. Realmente esse cara é alguém muito poderoso claro, ele é um deus, a diferença de poder era absurda, nem mesmo eu e Frida conseguimos acertar ele. Eu estava me sentindo muito impotente... nada que dois semideuses fizessem, iria resultar em algo mas mesmo assim eu não podia desistir, todo esse ódio, raiva e esse terrível sentimento de impotência serviriam de alguma coisa. Sim, apesar desses sentimentos serem horríveis era isso que me deixava cada vez mais poderoso (➥ Fúria ) e tinha outro fator me ajudando, toda aquela raiva que Frida emanava de certo modo também me deixava mais forte ( Ira ).

Finalmente me pus de pé. Quando ouvi Frida insultando o Deus, Esse deveria ser o momento perfeito para atacar. Com a foice empunhada na mão direita e a espada na esquerda. Juntei todo o ódio e raiva que estavam dentro de mim e fui correndo em direção ao homem, na metade do caminho e arremessaria minha foice em direção a ele. Quando eu estivesse perto o suficiente para que a espada pudesse acerta-lo eu verificaria o melhor lugar para atacar, um ponto fraco, uma brecha (➥ Fúria ) Assim que eu achasse, eu faria um ataque horizontal, neste momento a foice deveria estar retornando a mim ( já que provavelmente Cloud se esquivou do ataque ) pegaria a foice e ficaria atento a um possível golpe ou contra-ataque e me esquivaria (➥ Esquiva Involuntária & acrobacia ) e voltaria a minha posição atual.

poderes utilizados :
➥ Ira: Você se irrita facilmente, tornando assim inevitáveis os combates mais simples. Além disso, essa Ira pode ser projetada das pessoas ao seu redor, que se sentem reprimidas por sua personalidade.

➥ Fúria: Filhos do Deus da Guerra ao sofrerem golpes ou se sintam impotentes em alguma situação, eles tendem a se enfurecer facilmente. E isso o que o faz cada vez mais forte, e mais perigoso. Sua visão dos pontos onde tem que atacar se apuram consideravelmente e eles conseguem aplicar Golpes Críticos com mais facilidade. Lembrando, o nível de efeito da Fúria será aumentada de acordo com o seu level.

➥ Esquiva Involuntária: Filhos de Ares pressentem um ataque e desviam automaticamente, ou seja, não é preciso ver o golpe para desviar. Podem se esquivar de quaisquer golpes.

Cura Sombria I. Quando estão em contato com as sombras recuperam cerca de 10% de HP e MP.

╬Ciclone Negro╬ - Consiste em uma forma de batalha. O ceifador pode transferir energia espiritual em cinética e impulsionar sua foice, fazendo-a girar como uma hélice, além de controlar sua trajetória se lançada. O ceifador não precisa estar em contato com ela para que isso ocorra.


acrobacia
avatar
Gabriel Lebber Daniel
Filhos de Ares
Filhos de Ares

Mensagens : 124
Pontos : 130
Data de inscrição : 09/09/2013
Idade : 20
Localização : submundo...

Ficha do personagem
HP:
340/340  (340/340)
MP:
340/340  (340/340)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: LABIRINTO DE PERGUNTAS II

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 9 de 11 Anterior  1, 2, 3 ... 8, 9, 10, 11  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum